Outras / Atps Logistica Empresarial

Atps Logistica Empresarial

Artigo: Atps Logistica Empresarial
Buscar 155.000+ Trabalhos e Grátis Artigos

Enviado por:  dannicleolima  27 setembro 2013
Tags: 
Palavras: 1209   |   Páginas: 5
Visualizações: 98

Título: COMO DESENHAR A REDE LOGÍSTICA – DO PROCESSO AO SUPPLY

CHAIN

Publicação: Revista Logística Sistêmica

Data: edição de novembro de 2004

Autor: Mauro Roberto Schlüter

COMO DESENHAR A REDE LOGÍSTICA – DO PROCESSO AO

SUPPLY CHAIN

O conceito de logística é colocar o produto certo na hora certa, no local

certo e ao menor custo possível. Este conceito tem sido utilizado para descrever

a sinergia proporcionada pelas operações entre as funções das empresas,

porém é necessário que se busque, baseado neste conceito, a descrição do que

realmente é um processo logístico. O processo logístico deve estar conectado

ao conceito da logística, compreender as áreas operacionais (suprimento,

produção e distribuição), desde as fontes de matéria prima até o produto

acabado acessar as mãos do consumidor final, buscando a minimização dos

custos envolvidos e garantindo a melhoria dos níveis de serviço.

A forma encontrada para descrever um processo logístico baseada no

conceito da logística e seus objetivos, utiliza por analogia a ótica de fornecedor

e cliente internos descrita nos conceitos de qualidade total preconizados pelo

Prof. Vicente Falconi Campos. Segundo O Prof. Campos, todos os processos de

uma organização possuem clientes internos e fornecedores internos.

As técnicas de análise e conceituação de processo são exploradas de

forma mais intensa no estudo da administração da produção. Uma descrição de

um processo logístico que possa ser comum a todo o fluxo de produto da

empresa difere da descrição de um processo de produção em um aspecto

básico que é a inclusão do deslocamento como parte integrante desse

processo. Ao visualizar-se um ambiente logístico em toda a sua abrangência

pode se verificar que o produto possui um padrão de fluxo do tipo “stop and

go”. Existem algumas exceções a este padrão, que é encontrado em empresas

com processos de produção contínuos, que é o caso da industria do setor

químico, ou de empresas com processos de produção onde o operador executa

as tar

efas acompanhando o deslocamento do produto. Mesmo estas exceções

podem ser simplificadas por ocasião da descrição de um processo logístico,

assumindo-se que todo e qualquer beneficiamento exercido nos processos

logísticos do sub-sistema de produção deste tipo de industria seja definido

como um procedimento do tipo “stop”. Com relação ao deslocamento do

produto entre duas paradas não existem exceções conhecidas.

Um processo logístico é composto portanto de um procedimento estático

(stop), e um procedimento dinâmico (go). Este conjunto de procedimentos que

formam um processo logístico devem exercer as suas atividades dentro dos

conceitos da logística, isto é fornecer o produto certo e sem defeitos, no local

da demanda do próximo processo, dentro dos tempos certos, ao menor custo

possível e com garantia e/ou melhoria dos níveis de serviço. Esta ótica é a

mesma adotada pelos preceitos de Controle de Qualidade Total mencionada

anteriormente. Assume-se com esta definição que um ambiente lo ...



Cadastre-se no TrabalhosGratuitos

Cadastre-se no TrabalhosGratuitos - buscar 155.000+ trabalhos e monografias


Google+