TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Resumo: Evolução Histórica Da Contabilidade

Por:   •  8/9/2013  •  1.076 Palavras (5 Páginas)  •  941 Visualizações

Página 1 de 5

A evolução histórica da contabilidade

A contabilidade nasceu junto com o homem na época que não existiam números, moedas e nem escrita. Nessa fase o homem não sabia o que era estação do ano, mas com a sua experiência começou a observar o tempo, quando o frio se aproximava e as folhas das árvores caiam, ele sabia que era a hora de recolher seu rebanho e á tosquiar a lã para produzir agasalhos para sua família.

Com a monotonia da época, ele começou a imaginar como poderia fazer para saber se o seu rebanho estava crescendo. Foi a onde surgiu a contabilidade como não havia números para contar a sua riqueza, ele teve a ideia de utilizar pedrinhas para contabilizar tudo o que tinha. Com o passar dos anos, o homem percebeu que o seu rebanho havia crescido. E todos os anos tudo se repetia novamente, até ele perceber que podia fazer um inventário de todo o seu rebanho. Foi aí que ele percebeu que estava tendo um resultado positivo (lucro).

Não estando satisfeito só com os resultados obtidos, parou para observar e chegou á conclusão que poderia suprir as necessidades de sua família; com a lã tirada de suas ovelhas. Percebeu que poderia trocar por instrumentos de caça e pesca. Já que na época, não havia moeda.

Assim faria um inventário de toda a riqueza adquirida com o passar dos anos. Mesmo sem conhecer a escrita resolveu fazer um relatório contábil de toda a riqueza pessoal adquirida nesse período. A contabilidade é tão antiga que na própria bíblia no livro de jó, já é citado o seu conhecimento sobre contabilidade.

Com o passar dos tempos foram introduzidos símbolos gravados em argila ou barro, veio evoluindo lentamente ao longo da civilização. Entre o século XV e XVIII ate atingir um nível logico racional ou pré-científico da contabilidade.

Toda a história contábil torna-se importante a medida do desenvolvimento econômico da civilização.

Em torno dos séculos XIV a XVI ocorre vários acontecimentos econômicos importantes para as ciências contábeis principalmente na Itália, onde o conhecimento contábil foi aperfeiçoado pelo frade franciscano frei Luca Paciole em 1494, com o método das partidas dobradas e termos como “debito” e “credito”.

Apesar deste método a contabilidade não é uma ciência exata por utilizar matemática e estatística é uma ciência social, utiliza métodos quantitativos como principal ferramenta.

No século XIII foi onde os números indo arábicos (0, 1, 2, 3...) vieram substituir os números grego e romano (I, II, III...) onde se usavam letras para contar e calcular e desconheciam o zero.

O desenvolvimento contábil deu origem a partir de 1920 nos Estados Unidos em uma escola contábil Norte-Americano. Um avanço nas teorias e praticas contábeis com excelente tradição em auditorias. No inicio do século XX aconteceu uma mudança, onde a escola norte- americana tomou conta do conhecimento contábil deixando para trás a escola europeia.

Houve algumas razões desses acontecimentos:

Queda da escola europeia:

*Excessivo culto à personalidade, ênfase a uma contabilidade teórica, pouca importância à auditoria, queda do nível das principais faculdades.

Ascensão da escola norte-americana, ênfase ao usuário da informação contábil, ênfase a contabilidade aplicada, bastante importância á auditoria, universidade em busca de qualidade.

Podemos ressaltar, que a contabilidade mesmo sem a escrita teve como seu ponto de partida o conhecimento da capacidade matemática do ser humano.

O primeiro balanço geral do trabalho da contabilidade foi o balanço dos patrimônios líquidos com suas demonstrações contábeis; partida simples até as partidas dobradas e processo de escrituração.

No período da contabilidade tivemos vários autores importantes para essa historia: 1202-Leonardo Fibonacci, 1340- francisco di balduccio pegolotti, 1458- beneditto cotrugei .

Tivemos trabalhos de extrema importância, á cada ano até chegar à obra de Luca Pacioli para caracterização cientifica da contabilidade. Tivemos um grande mestre que surgiu no final do século XIX chamado: Fabio Besta, com três obras modernas com noções e conceitos de controladoria. Ainda no século XX, surgem vários autores importantes pelos seus avanços em conhecimentos.

Chegamos ao Brasil um país interessante para países em desenvolvimento.

Temos no Brasil varias entidades contábeis que atuam juntamente com o banco central e a receita federal com legislações contábeis. Em 2007 o Brasil passa de contabilidade

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7.4 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com