TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

1.0 Indice De Sustentabilidade Empresarial

Por:   •  4/11/2013  •  852 Palavras (4 Páginas)  •  398 Visualizações

Página 1 de 4

1.0 Indice de Sustentabilidade empresarial

Iniciativa pioneira na América Latina, o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) busca criar um ambiente de investimento compatível com as demandas de desenvolvimento sustentável da sociedade contemporânea e estimular a responsabilidade ética das corporações. Iniciado em 2005, foi originalmente financiado pela International Finance Corporation (IFC), braço financeiro do Banco Mundial, e seu desenho metodológico é responsabilidade do Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVCes) da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV-EAESP).

O ISE é uma ferramenta para análise comparativa da performance das empresas listadas na BM&FBOVESPA sob o aspecto da sustentabilidade corporativa, baseada em eficiência econômica, equilíbrio ambiental, justiça social e governança corporativa. Também amplia o entendimento sobre empresas e grupos comprometidos com a sustentabilidade, diferenciando-os em termos de qualidade, nível de compromisso com o desenvolvimento sustentável, equidade, transparência e prestação de contas, natureza do produto, além do desempenho empresarial nas dimensões econômico-financeira, social, ambiental e de mudanças climáticas.

No Brasil essa tendência já teve início, e há expectativa de que ela cresça e se consolide rapidamente. Atentas a isso, a BM&FBOVESPA, em conjunto com várias instituições – ABRAPP, ANBIMA, APIMEC, IBGC, IFC, Instituto ETHOS e Ministério do Meio Ambiente – decidiram unir esforços para criar um índice de ações que seja um referencial (“benchmark”) para os investimentos socialmente responsáveis, o ISE – Índice de Sustentabilidade Empresarial. Nesse sentido, essas organizações formaram um Conselho Deliberativo presidido pela BM&FBOVESPA, que é o órgão máximo de governança do ISE e tem como missão garantir um processo transparente de construção do índice e de seleção das empresas. Posteriormente, o Conselho passou a contar também com o PNUMA, IBRACON e GIFE em sua composição. A Bolsa é responsável pelo cálculo e pela gestão técnica do índice.

2.1 A EMPRESA GANHA ALGO EM INTEGRAR ESSE TIPO DE ÍNDICE?

Esse tipo de empreendimento (empresas sustentáveis) suscita valor para o acionista a longo prazo, pois estão mais preparadas para enfrentar riscos econômicos, sociais e ambientais. Desse modo, pode-se entender que ao se associar ao ISE, a empresa pode obter diversos ganhos, sendo eles tangíveis e intangíveis.

.1. QUANTAS EMPRESAS INTEGRAM ATUALMENTE O ISE-BOVESPA?

O índice ISE é composto pelas empresas melhor classificadas em termos de responsabilidade social e sustentabilidade, essa escolha é feita observando os maiores números de liquidez da BOVESPA, de concordata com critérios de triagem e disposição referendados pelo Conselho Deliberativo do Índice de Sustentabilidade Empresarial.

O número máximo de empresas que podem associar-se ao Índice é de 40 empresas, mas somente 37 integram atualmente o ISE-BOVESPA, são elas:

AES Tietê | CPFL | Gerdau | SulAmerica |

Banco do Brasil | Coelce | Gerdau MT | Telefônica |

BicBanco | CCR | Itaú Unibanco | TIM |

Bradesco | Duratex | Itaúsa | Tractbel |

Braskem | Eletropaulo | Light | Ultrapar |

BRF | EDP | Natura | Vale |

Cemig | Even | Oi | Weg |

Cesp

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.7 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com