TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Petróleo: sua origem, composição, extração, refinação

Por:   •  23/4/2014  •  Artigo  •  677 Palavras (3 Páginas)  •  203 Visualizações

Página 1 de 3

Introdução

Neste trabalho falarei sobre o petróleo, sua origem, composição, extração, refinação e não deixando de citar seus aspectos químicos. A definição para petróleo: o próprio nome já o define, vem do latim petra = pedra + oleum = óleo. O petróleo se define como um líquido oleoso retirado de pedras (rochas) subterrâneas. Esta riqueza natural já ganhou até o nome de Ouro negro, em razão da sua coloração e grandeza econômica.

Desenvolvimento

O petróleo é uma substância oleosa, inflamável, com cheiro característico e, em geral, menos densa que a água e com cor variando entre o negro e o castanho escuro. Embora objeto de muitas discussões no passado, hoje tem-se como certa a sua origem orgânica, sendo uma combinação de moléculas de carbono e hidrogênio.

É um combustível fóssil, originado provavelmente de restos de vida aquática animal acumulados no fundo de oceanos primitivos e cobertos por sedimentos. O tempo e a pressão do sedimento sobre o material depositado no fundo do mar transformaram-no em massas homogêneas viscosas de coloração negra, denominadas jazidas de petróleo.

Sua composição química varia de acordo com sua procedência. Petróleo é uma mistura complexa de hidrocarbonetos que, associada a pequenas quantidades de nitrogênio, enxofre e oxigênio, se encontra sob forma gasosa, líquida ou sólida, em poros e fraturas, em geral de rochas sedimentares. Nos depósitos encontram-se também água salgada e uma mistura de gases responsáveis pela pressão que provoca a ascensão do petróleo através de poços perfurados. O petróleo líquido é também chamado óleo cru para distingui-lo do óleo refinado, produto comercial mais importante. O gás de petróleo (gás natural) é uma mistura de hidrocarbonetos leves, enquanto as formas semi - sólidas são compostas de hidrocarbonetos pesados.

Processo de extração:

Depois de identificar, através de estudos geológicos, a presença de uma rocha rica em petróleo, o local é isolado e começam as escavações. Ao atravessar a rocha sedimentar, a sonda usada para escavar chega à camada petrolífera, neste momento o petróleo é jorrado para fora da jazida. A pressão é explicada pela presença de gases componentes do petróleo.

Este processo é parecido com o usado para cavar poços artesianos, mas neste caso a busca não é por um líquido transparente (água), é por um líquido denso, oleoso, escuro e cheio de impurezas. É exatamente assim que o petróleo é encontrado, e só depois é purificado nas torres de fracionamento.

O método usado para obter petróleo de diferentes formas é a destilação fracionada, é ela a responsável por termos gás para a preparação de alimentos, combustíveis para abastecer automóveis, aviões, navios. Como se vê, o petróleo é uma rica fonte de energia, daí o porquê de ser considerado tão importante para a economia mundial.

O petróleo assim que é retirado do solo, quase não tem nenhuma utilização, mas depois de passar por diversos tratamentos químicos e físicos, torna-se de grande utilidade, como combustíveis – gasolina, óleo diesel, gás de cozinha, querosene; lubrificantes – óleos e graxas; matéria-prima – de antissépticos, fertilizantes, detergentes, ceras, uma série de produtos como o plástico.

O

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.1 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com