TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Relatório Cátions Grupo III

Por:   •  13/4/2019  •  Ensaio  •  1.374 Palavras (6 Páginas)  •  51 Visualizações

Página 1 de 6

[pic 1]

COORDENADORIA DO CURSO DE QUÍMICA

CURSO TÉCNICO EM QUÍMICA

QUÍMICA ANALÍTICA QUALITATIVA

ELOISA HASSE

IDENTIFICAÇÃO DOS CÁTIONS DO GRUPO III

Isadora Vieira e Pietra Corrêa

QUÍMICA 5AV

Pelotas, setembro de 2017

  1. Fundamentação Teórica

Os elementos presentes no terceiro grupo de cátions são: ferro (II) e (III), alumínio, cromo (III) e (VI), níquel, cobalto, manganês (II) e (VII), e zinco. Eles reagem a partir de sulfeto de hidrogênio na presença de hidróxido de amônia e cloreto de amônio.

Nenhum desses íons formam cloretos ou sulfetos suficientemente solúveis para precipitar a partir de uma solução cuja concentração em ácido clorídrico esteja compreendida na faixa entre 0,1M à 0,3 M, por isso o meio deve fundamentalmente estar alcalino, visto que os cátions do grupo II também precipitam como sulfetos. Em outras palavras, a constante do produto de solubilidade do grupo II deve ser maior que a constante do produto de solubilidade do grupo III.

O uso de NH4Cl tem como finalidade impedir que hidróxido de magnésio precipite junto com os cátions do grupo III ao adicionar NH4+, processo também conhecido como efeito do íon comum.

Por serem metais de transição, são variáveis e capazes de formar valência em orbitais “d” incompletos. Os íons com estes orbitais incompletos são caracterizados pela sua variação de tonalidade, e tendência de formar íons complexos.  

Entretanto o zinco não é um metal de transição pois este só consegue formar íons Zn+2, permanecendo com o orbital “d” totalmente completo (d10). Dessa forma, compostos com a presença de Zn+2 serão incolores.

O alumínio por sua vez tem orbital completo e, mesmo não sendo um metal de transição, é semelhante aos íons Fe+3 e Cr+3 quanto à carga elétrica e ao raio atômico.

Para facilitar a análise, separa-se o grupo III em dois subgrupos: grupo IIA e grupo IIIB. No subgrupo IIIA estão presentes os cátions Al+3, Fe+3, Cr+3 e Mn+2. Já no subgrupo IIIB estão presente os cátions Co+2, Ni+2 e Zn+2. Esta subdivisão se dá ao colocar na amostra excesso de hidróxido de amônia e cloreto de amônio para precipitar em forma de hidróxidos o grupo IIIA. E para o grupo IIIB, adiciona-se sulfeto de hidrogênio, hidróxido de amônia e cloreto de amônio para precipitar em forma de complexos.

É importante ressaltar que para obter H2S foi feito a hidrólise de tioacetamida, por ser a forma mais segura, com precipitação em meio homogêneo.

  1. Objetivo

Identificar os cátions do grupo III na amostra.

  1. Materiais
  2. Métodos
  1. Grupo IIIB[pic 2]

[pic 3]

[pic 4]

[pic 5][pic 6]

                                         SN


[pic 7][pic 8][pic 9][pic 10][pic 11][pic 12][pic 13][pic 14]

                                                                                             [pic 15][pic 16]

R                                                                                               SN11

[pic 17][pic 18]

[pic 19][pic 20]

                                                                                               R                                               SN      

[pic 21][pic 22]

        

(Foi dividido em dois tubos de[pic 23]

ensaio)


[pic 24][pic 25][pic 26][pic 27][pic 28][pic 29]

  1. Resultado e discussão

Grupo IIIB

Os cátions do grupo IIIB precipitam com H2S em forma de sulfetos.[pic 30][pic 31][pic 32]

Os sulfetos de cobalto e níquel precipitam com uma cor preta, já o sulfeto  de zinco precipita com a cor branca.

Estes cátions ao reagir com hidróxido de amônio e cloreto de amônia formam completos solúveis. Ao adicionar ácido clorídrico e ácido nítrico os sulfetos são dissolvidos. Apenas um dos dois ácidos não dissolve a solução.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (6.6 Kb)   pdf (410.9 Kb)   docx (384.1 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com