TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATPS Estrutura E Demonstrações De Analises Financeiras

Ensaios: ATPS Estrutura E Demonstrações De Analises Financeiras. Pesquise 790.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  30/5/2014  •  5.142 Palavras (21 Páginas)  •  493 Visualizações

Página 1 de 21

ATPS - ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

Estrutura e Análise das Demonstrações Financeiras

Acadêmicos:

Valparaíso – SP

2013

1. OBJETIVO

Através do conteúdo adquirido em sala, iremos promover um estudo sobre a saúde patrimonial de uma empresa base apresentada.

2. INTRODUÇÃO

Podemos ter varias técnicas de avaliar a saúde financeira de uma empresa, e a combinação e ou emprego de varias dessas técnicas nos permitem ter uma maior precisão dos resultados levantados.

Com o conjunto dessas técnicas, podemos analisar, planejar, agir e tomarmos as decisões mais certas ou com menor grau de risco à empresa. Principalmente no que diz respeito ao seu fluxo de caixa, sua rentabilidade, a sua real permanência em lucratividade e longevidade no mercado.

3. ETAPA 1 – Análise Vertical e da Análise Horizontal.

As analises vertical e horizontal são fundamentalmente um estudo de tendências.

A Analise Vertical baseia-se em valores relativo, sendo calculado em percentagem com uma base fixa de valores, onde é atribuído pelo de 100 as contas do balanço patrimonial e em todas as contas dessa demonstração. E através dessa analise podemos verificar a importância de cada conta dentro das demonstrações e também, podemos verificar a empresa referente a realização do ano anterior e empresas do mesmo seguimento.

O Valor Base para fins de Análise das Demonstrações Financeiras, normalmente refere-se à:

• Total do Ativo, para todas as contas do Ativo de uma empresa;

• Total do Passivo + Patrimônio Líquido, para todas as contas do Passivo e do Patrimônio Líquido;

• Receita Líquida, para todas as contas que compõem a Demonstração do Resultado do Exercício.

A Analise Horizontal relaciona cada conta da demonstração financeira com a mesma conta com o período anterior, essa conta pode sofrer alteração devido à inflação do ano. Essa analise nos mostra a evolução (o crescimento e decréscimo), das contas ao longo dos exercícios.

Para tomarmos como base as demonstrações obrigatoriamente devemos ter mais de um ano de demonstração para que possamos ver a evolução de cada item, somente assim poderemos analisar dois períodos distintos e sendo levado em consideração o Balanço Patrimonial e a Demonstração do Resultado do Exercício.

Vantagens

• Demonstra evoluções e possibilita admitirem-se tendências;

• É contrastante e também comprovadora das informações obtidas pela análise vertical ao mesmo tempo;

• É complementar à análise vertical

Desvantagens

• Se as informações não estiverem corrigidas pela inflação do período, ou apresentada sem moeda constante, são extremamente difíceis às comparações e estas se tornam praticamente inválidas em alguns casos;

• Suas informações, muitas vezes, não são claras, permitindo por demais suposições.

Necessitamos de uma ferramenta que nos auxiliem nas comparações entre os diferentes períodos, bem como analisar as tendências da empresa, sendo sempre recomendável a utilização de ambas as contas em conjunto e devem ser entendidas como única técnica de analise.

ANALISE VERTICAL – DRE

DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADO 2007 2008

R$ A.V. R$ A.V.

Receita Operacional Bruta

Mercado interno 679.099 89,2% 728.313 95,7%

Mercado externo 82.057 10,8% 108.312 14,2%

761.156 100,0% 836.625 109,9%

Impostos incidentes sobre vendas -129.168 17,0% -140.501 18,5%

Receita Operacional Liquida 631.988 83,0% 696.124 91,5%

Custo dos produtos e serviços vendidos -359.903 47,3% -416.550 54,7%

Lucro Bruto 272.085 35,7% 279.574 36,7%

Receitas (despesas) operacionais

Vendas -59.786 7,9% -65.927 8,7%

Gerais e administrativa -45.428 6,0% -63.800 8,4%

Pesquisas e desenvolvimentos -26.340 3,5% -28.766 3,8%

Honorários da administração -8.025 1,1% -8.278 1,1%

Tributárias -6.742 0,9% -2.913 0,4%

Resultado equivalência patrimonial

Outras receitas operacionais liquidas 1.031 0,1% 1.673 0,2%

Total de despesas operacionais -145.290 19,1% -167.011 21,9%

Lucro operacional antes do resultado financeiro 126.795 16,7% 111.563 14,7%

Resultado financeiro

Receita financeira 30.508 4,0% 36.960 4,9%

Despesa financeira -5.048 0,7% -5.061 0,7%

Variação cambial ativa -3.796 0,5% 10.752 1,4%

Variação cambial passiva -6.258 0,8% -7.338 1,0%

Total do resultado financeiro 27.922 3,7% 35.303 4,6%

Lucro operacional 154.717 20,3% 146.866 19,3%

Imposto de renda e contribuição social

Corrente -27.457 3,6% -33.324 4,4%

Diferido 1.914 0,3% 4.715 0,6%

Lucro liquido antes das participações 129.174 17,0% 118.257 15,5%

Participação minoritária -555 0,1% -888 0,1%

...

Baixar como (para membros premium)  txt (34.7 Kb)  
Continuar por mais 20 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com