TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Hhhjhjghfgf Hutfeesaa

Por:   •  15/9/2013  •  354 Palavras (2 Páginas)  •  85 Visualizações

Página 1 de 2

A história da educação brasileira é dividida em três fases: a) do descobrimento até 1930, b) dos anos 1930 a 1964 e c) o período pós-64 fase que perdurou até 1985. Após este ano, começa uma nova transição que perpassa pela atualidade e revela o mau desempenho do setor educacional do país. (GADOTTI, 2000).

A primeira fase se enquadra em um período de educação tradicional, religiosa, voltada para o adulto e para a autoridade do professor. No período de 1549 a 1759 prevalece a Educação jesuíta. Com a vinda da Família Real Portuguesa para o Brasil, em 1808, a prioridade era com a formação das elites governantes e dos quadros militares. Em 1827, ainda priorizando a elite, foram construídas duas faculdades de direito (Recife e São Paulo) para que os formandos assumissem os cargos principais de administração pública, na política e também no jornalismo e na advocacia.

No período da 1ª República, (1889-1830), baseado nos pensamentos liberais, os governos contestavam o modelo educacional imperial. Várias escolas normais de formação de professoras foram criadas na tentativa de solucionar o problema do analfabetismo que já era grande. A primeira fase da história da educação foi marcada por novos movimentos educacionais que buscavam melhorias nos níveis de escolaridade, porém a educação ainda não tinha tanta importância para a sociedade sendo um recurso apenas para a classe alta.

A segunda fase é marcada pelo confronto entre o ensino público e o privado que, com o surgimento da escola nova, influem as ideias liberais na educação, contrariando a educação tradicional. A tentativa de melhorar o desenvolvimento educacional não é recente.

Após a Revolução de 1930, período de contribuições para o ramo educacional, devido a criação do Ministério da Educação e a criação do capítulo da educação na constituição de 1934, outras medidas foram tomadas e alteradas: Constituição de 1937, de 1946, 1º projeto de lei de 1948, LDB 1961, Decreto-Lei nº 477 (1969), MOBRAL (Movimento Brasil de Alfabetização) em 1970, dentre outras. Todas estas medidas foram elaboradas e modificadas para adequar o ensino ao padrão de qualidade esperado, visando a diminuição do analfabetismo e a garantia da educação para todos.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.2 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com