TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Exames: A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Pesquise 793.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  27/10/2013  •  3.750 Palavras (15 Páginas)  •  541 Visualizações

Página 1 de 15

A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Eloisa Gonzaga da Silva 1* (PQ)

Erivaldo Laurindo Gomes2 (PG)

Resumo

Os jogos facilitam o processo da alfabetização, tornando a aprendizagem mais significativa. Quando o aluno joga e brinca, ao mesmo tempo ele aprende, sobretudo, a conhecer e compreender o mundo social que o rodeia. Através do jogo, as crianças exercitam todas as operações do pensamento, aprendem a conhecer e dominam a realidade, orientando-se no espaço e no tempo. Jogando desempenham papéis, sentem emoções, cooperam e amadurecem entre si. Essa pesquisa irá discutir a utilização dos jogos na alfabetização proporcionando vantagens para o processo de ensino e aprendizagem, concebendo o lúdico no processo de construção do conhecimento da criança, além de contribuir com uma possível alternativa pedagógica que inter-relacione a ludicidade no processo de alfabetização. Este artigo tem como objetivo analisar a importância da utilização de jogos pedagógicos como recurso didático no processo de ensino e aprendizagem e descrever a ludicidade como contribuição, mostrando como os jogos pedagógicos podem atuar como recurso facilitador na alfabetização. Com base nessas informações o artigo pretende discutir o uso dos jogos em sala de aula como facilitadores do ensino e aprendizagem, não apenas como brincadeira ou passatempo, mas também como ferramenta de ensino. Nesse sentido, o estudo conclui que o jogo é um recurso importante no processo de aprendizagem e desenvolvimento de alunos, na medida em que permite ao professor e aos alunos uma interação mais rica e proveitosa.

Palavras-chave: Jogos Pedagógicos. Ludicidade. EnsinoAprendizagem.

ABSTRACT:

The games facilitate the process of literacy , making the process of learning meaningful. When the student plays games while he learns , primarily , to know and understand the social world that surrounds it . Through play , children exercise all operations of thought , learn to know and dominate reality , orienting itself in space and time. Playing roles , feel emotions , and mature cooperate among themselves . This research will discuss the use of games in literacy by providing benefits to the teaching and learning process by designing the ludic in the process of building the child's knowledge , and contribute to a possible alternative pedagogical inter - relate the playfulness in the literacy process . Thisarticleaimstoanalyze

____________________________________________________

1Graduanda do Curso de Licenciatura Plena de Pedagogia pela Faculdade Integrada do Brasil – FAIBRA.E-mail: elogsilva@hotmail.com

2Orientador da pesquisa. Docente no Curso de Pedagogia da Faculdade Integrada do Brasil – FAIBRA. Graduado em Licenciatura Plena em Ciências Biológicas pela Universidade Federal Rural do Semi Árido – UFERSA; Especialista em Piscicultura pela UOV. E-mail: erivaldo_lgomes@hotmail.com

the importance of using educational games as a teaching resource in the process of teaching and learning and describe the playfulness as a contribution , showing how educational games can act as a resource facilitator in literacy. Based on this information the article will discuss the use of games in the classroom as facilitators of teaching and learning , not just as a joke or hobby, but also as a teaching tool . In this sense , the study concludes that play is an important feature in the process of learning and development of students , as it allows the teacher and students a richer interaction and fruitful .

Key words : Pedagogical Games . Playfulness .TeachingandLearning .

INTRODUÇÃO

O presente trabalho tem como intuito discutir sobre a importância do jogar e brincar no processo de desenvolvimento da criança, especificamente na Educação Infantil, primeira etapa da Educação Básica, tendo em vista à ludicidade como caminho para a aprendizagem e a construção do conhecimento através de brincadeiras, jogos e brinquedos.

Procurou-se comprovar que a utilização de procedimentos metodológicos que envolvem jogos e brincadeiras tende a contribuir com mais facilidade para o processo de ensino e aprendizagem da criança, na formação de atitudes sociais como cooperação; socialização; respeito mútuo; interação; lideranças e personalidade, que favorecem a construção do conhecimento do educando. Assim, a problematização que orientou este estudo consistiu em discutir de que modo educadores pensam as atividades lúdicas e qual a contribuição destas para a aprendizagem.

É sabido que, por meio do brinquedo, a criança constrói o seu universo, manipulando-o e trazendo para a sua realidade situações únicas do seu mundo imaginário. O jogar e o brincar possibilitam o desenvolvimento, não sendo somente um instrumento didático facilitador para o aprendizado, já que os jogos, brincadeiras e brinquedos influenciam em áreas do desenvolvimento infantil como a coordenação motora, inteligência, sociabilidade, afetividade e criatividade. Desse modo, os jogos e brinquedos contribuem para a criança exteriorizar seu potencial criativo.

A habilidade de jogar e brincar propicia o conhecimento de forma natural e agradável, sendo este um meio de estimular a socialização, permitindo à criança a agir com mais autonomia. Muitos autores afirmam que o jogo não tem a natureza educativa, mas ele se torna educativo pela forma que ele é estimulado, ou seja, o professor pode adotar a utilização de jogos e brincadeiras para desenvolver metodologias que propiciem a melhor aprendizagem. Desta forma, jogos, brinquedos e brincadeiras não são apenas diversão, mas uma atividade que possibilita a aprendizagem de várias habilidades e, portanto, é com esse desenvolvimento prazeroso da criança que o educador deverá interagir com o lúdico, concretizando os jogos, brinquedos e brincadeiras como recursos pedagógicos decorrente dos diversos níveis do conhecimento. É importante que o educador insira o brincar em um projeto educativo, com objetivos e metodologia definidos, o que supõe ter consciência da importância de sua ação em relação ao desenvolvimento e à aprendizagem das crianças. Destaca-se que a aprendizagem é o mais freqüente motivo pelo qual o jogo é considerado importante para a educação, em que o brincar se torna realmente significante com a ajuda dos seus educadores, que devem seguir o seu papel de auxiliadores nesse processo.

Pensando nesse processo

...

Baixar como (para membros premium)  txt (25.3 Kb)  
Continuar por mais 14 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com