TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Direito CASO CONCRETO

Resenha: Direito CASO CONCRETO. Pesquise 784.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  18/5/2013  •  Resenha  •  235 Palavras (1 Páginas)  •  232 Visualizações

CASO CONCRETO:

1- Fábio, empregado da empresa Transportar Ltda., firmou, com seu empregador, acordo escrito de compensação em que ficou estabelecido o horário das 08:00h às 17:48h de segunda à sexta-feira, sempre com intervalo de 1(uma) hora para refeição e descanso, perfazendo quarenta e quatro horas semanais. Ocorre, todavia, que Fábio regularmente ultrapassa seu horário de trabalho e em média labora até às 20:00h. O empregado foi questionar com seu empregador sobre o pagamento de horas extras e este lhe informou que nada era devido, tendo em vista o acordo de compensação firmado entre as partes. Pergunta-se: com base no entendimento Sumulado pelo TST este acordo de compensação é válido?

QUESTÕES OBJETIVAS

1- Maria, Joana e Diana são empregadas da empresa ÁGUA, atuando as três na função de auxiliar administrativo. Todas as empregadas foram contratadas para trabalhar em jornada de trabalho de 6 (seis) horas diárias. Ocorre, todavia, que Maria e Joana ultrapassam regularmente a jornada de trabalho pactuada e em média trabalham 7 horas por dia. Neste caso, de acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho e com o entendimento Sumulado pelo Tribunal Superior do Trabalho, será obrigatório um intervalo intrajornada de :

a) 15 (quinze) minutos diários para todas as empregadas.

b) 1 (uma) hora diária para Maria somente.

c) 15 (quinze) minutos diários para Maria e Diana e 1(uma) hora para Joana.

d) 1 (uma) hora diária para Maria e Joana e 15 (quinze) minutos para Diana.

...

Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com