TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Comunismo: O movimento que supera o Status Quo

Por:   •  8/1/2019  •  Resenha  •  2.094 Palavras (9 Páginas)  •  73 Visualizações

Página 1 de 9

[pic 1]

FACULDADE LATINO-AMERICANA DE CIÊNCIAS SOCIAIS

FLACSO BRASIL

MAESTRÍA ESTADO, GOBIERNO Y POLÍTICAS PÚBLICAS

Rosaly Ferreira Moreira

COMUNISMO: Movimento que supera o Status Quo

Belém

2018

Rosaly Ferreira Moreira

COMUNISMO: Movimento que supera o Status Quo

Resenha apresentada para a disciplina Tópicos Introdutórios em Ciência Política I, no curso de Maestría Estado, Gobierno y Políticas Públicas, da FACULDADE LATINO-AMERICANA DE CIÊNCIAS SOCIAIS - FLACSO BRASIL.

.

Prof. Prof. Ms. Lucas Baptista

Belém

2018


RESENHA

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. Parte I: Burgueses e Proletariados. In: O Manifesto Comunista. Versão eletrônica: Ridendo Castigat Moraes.  Fonte Digital: RocketEdition de 1999.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A ideologia em geral e em particular a ideologia alemã In. A ideologia alemã. São Paulo: Editora Martins Fontes, 1998.

A presente resenha tem o objetivo de correlacionar os principais aspectos das obras “O manifesto comunista” e “A Ideologia Alemã”, ambas produzidas por Karl Marx e Friedrich Engels.

A obra “O Manifesto Comunista” idealizado por Karl Marx e Friedrich Engels, foi publicado pela primeira vez em 1848, escrito com base em reuniões comunistas e publicado em diversas línguas. É uma obra de linguagem e entendimento fácil, dividida em quatro capítulos, dentre os quais nos atentaremos apenas para o capítulo I – Burgueses e Proletariados. O objetivo principal da obra é apresentar os principais ideais do Comunismo no contexto histórico da Europa marcado por lutas trabalhistas de 1848. Capítulo I - Burgueses e Proletariados faz uma evolução histórica da sociedade marcada pelo antagonismo marcante de duas classes, a burguesia e o proletariado fruto do modo de produção do capitalismo. 

A Ideologia Alemã é uma obra póstuma, escrita por Karl Marx entre os anos de 1845 e 1846, publicada pela primeira vez em 1932 na União Soviética, o livro é uma coletânea de manuscritos do sociólogo e organizados por Friedrich Engels. A obra está divida em três partes, dentre os quais abordaremos apenas a primeira parte denominada: A – A ideologia em geral e em particular a ideologia alemã.

 “A burguesia produz, sobretudo, seus próprios coveiros. Sua queda e a vitória do proletariado são igualmente inevitável(MARX, ENGELS, 1848, pg. 27).

É notório observar na obra “O Manifesto Comunista” a apresentação de ideais revolucionários de defesa de uma sociedade sem classes e sem propriedade privada, bem como só com a união de todos os proletários será possível a derrubada da burguesia e, por fim, a soberania do proletariado. Pois, segundo Marx & Engel,

“De todas as classes que ora enfrentam a burguesia, só o proletariado é uma classe verdadeiramente revolucionária. As outras classes degeneram e perecem com o desenvolvimento da grande indústria; o proletariado pelo contrário, é seu produto mais autêntico” (MARX, ENGELS, 1848, p. 24).

Partindo desse ponto, escrever sobre “O Manifesto Comunista” é discorrer sobre a evolução da burguesia e do seu mais autêntico produto, o proletariado, o único capaz de derrubá-la, pois como destaca a obra a burguesia já cumpriu o seu papel “(...) a burguesia não forjou apenas as armas que lhe darão a morte; também engendrou os homens que empunharão essas armas: os operários modernos, os proletários(MARX, ENGELS, 1848, p. 18).

Desse modo, a organização do proletariado em classe e em partidos políticos é a “veia” ideal para o renascimento da sua força e para o reconhecimento legal de seus interesses, pois o desenvolvimento da sociedade é incompatível com a dominação da burguesia. Nesta obra encontramos o norte a qual devemos seguir para a derrubada da burguesia. Pois segundo Marx e Engels,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (13.9 Kb)   pdf (204.7 Kb)   docx (390.9 Kb)  
Continuar por mais 8 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com