TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Distinções

Por:   •  24/2/2014  •  Tese  •  7.836 Palavras (32 Páginas)  •  142 Visualizações

Página 1 de 32

INTRODUÇÃO

DELIMITAÇÕES DO TEMA

A hidrologia, que se desenvolveu consideravelmente nestas ultimas décadas, colocou á disposição dos projetistas uma série de métodos para a estimativa de cheias de cursos de água. Pode-se-, de um modo geral, classifica-los em quatro grupos, que são: fórmulas empíricas; métodos estatísticos; método racional; método hidro meteorológicos.

O presente projeto de pesquisa tem como finalidade estudar a definição das vazões de enchente, bem como as características condicionantes para esse fenômeno.

PROBLEMA

As enchentes são fenômenos naturais que ocorrem quando a precipitação é elevada e a vazão ultrapassa a capacidade de escoamento, ou seja, quando a chuva é intensa e constante, a quantidade de água nos rios aumenta, extravasando para as margens dos rios (áreas de várzeas). Todos os canais de escoamento possuem essa área de várzea para receber o "excesso" de água, quando ela ultrapassa os limites dos canais. Entretanto, com as interferências antrópicas (do homem), as inundações são intensificadas em vista de alterações no solo de uma bacia hidrográfica, tais como a urbanização, impermeabilização, desmatamento e o desnudamento (eliminação da vegetação).

O processo de urbanização causa mudanças no microclima das cidades. O intenso processo de desmatamento e a construção de residências, edifícios, indústrias, ocupação das áreas de várzeas e a impermeabilização do solo com asfalto acarretam no aumento de temperatura dos centros urbanos em relação às áreas periféricas (afastadas do centro) e às áreas rurais. Em algumas cidades esta diferença de temperatura pode atingir até 10°C. Além do desmatamento e da impermeabilização do solo, o consumo de combustíveis fósseis por automóveis e indústrias torna a cidade uma fonte de calor. Esse fenômeno é denominado "ilha de calor". O aumento de temperatura nos centros urbanos intensifica a evaporação; além disso, o material particulado (poluentes) em suspensão favorece a formação de núcleos de condensação na atmosfera. O resultado é o aumento da quantidade de chuvas.

Em condições naturais, parte da chuva fica retida nos troncos e folhas, o escoamento superficial é retido por obstáculos naturais gerando maior infiltração e retardando a chegada da água nos cursos de água. Quando a cobertura vegetal é retirada, não há resistência ao escoamento e a água atinge os rios com maior facilidade e rapidez, contribuindo também com o assoreamento dos rios, pois, sem a cobertura vegetal, os sedimentos são carregados pela água e acabam depositados no fundo dos leitos dos rios. Este fato é agravado quando há impermeabilização do solo.

Outro fator que agrava as inundações nos centros urbanos é o entupimento dos bueiros ocasionado pelo lixo jogado nas ruas pela população. Em dias de chuva, com a impossibilidade do escoamento pelos bueiros, a água concentra-se nas ruas de forma rápida, causando transtornos no trânsito e no comércio, além de atingir residências e causar todo o tipo de estragos.

Diante deste contexto, qual a definição de vazões de enchentes e os fatores que levam a ocorrência desse fenômeno?

JUSTIFICATIVA

Esse trabalho justifica-se pelo fato de que, através de implantações do mesmo será possível contribuir para a construção de estratégias coletivas de enfrentamento à degradação ambiental, no qual as enchentes são a manifestação mais significativa deste quadro aos olhos de seus habitantes.

Com as enchentes que são episódios que ocorrem em todo o mundo, que desabrigam grandes números de pessoas provocando grandes estragos, as tragédias relacionadas com as enchentes em cidades do mundo todo ocorrendo em cidades grandes, pequenas cidades, áreas rurais e urbanas podem ser prevenidas com medidas de segurança em forma de melhoras nas estruturas das redes de captação de águas pluviais, a pavimentação impermeabiliza o solo, quando ocorre a pavimentação das ruas o risco de enchentes torna-se maior. Nas enchente são provocadas graves consequências com morte, percas, doenças, desabrigados, famílias desestruturadas, o número de casos de enchentes cresceu nas ultimas décadas com o aumento das cidades, em cidades que são construídas

...

Baixar como (para membros premium)  txt (51.3 Kb)  
Continuar por mais 31 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com