TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ELEMENTOS ARQUITETÔNICOS: ESTRUTURA E SIMBOLOGIA DAS IGREJAS CATÓLICAS DE TOLEDO - PR

Por:   •  21/2/2017  •  Projeto de pesquisa  •  879 Palavras (4 Páginas)  •  336 Visualizações

Página 1 de 4

ELEMENTOS ARQUITETÔNICOS: ESTRUTURA E SIMBOLOGIA DAS IGREJAS CATÓLICAS DE TOLEDO - PR

1PAMELA GABRIELA RODRIGUES CARDOSO, 2ANA CAROLINE BORTOLINI, 3ANA PAULA DOS SANTOS DA SILVA, 4SARAH BEATRIZ BALKO, 5VANESSA FANAS GUEDES, 6RAQUEL MACHADO MARQUES GABRIEL

1 Acadêmico do PIC / UNIPAR

2 Acadêmico do PIC / UNIPAR

3 Acadêmico do PIC / UNIPAR

4 Acadêmico do PIC / UNIPAR

5 Acadêmico do PIC / UNIPAR

6 Docente do curso de Arquitetura e Urbanismo UNIPAR-TOL

Introdução: A partir da fundação da cidade de Toledo, na região Oeste do Estado do Paraná, na década de 1950, as Igrejas inicialmente instaladas tiveram um papel importante no amparo aos novos moradores, no período de fixação territorial. “Uma característica marcante da história de Toledo é a religiosidade do povo. Os pioneiros, oriundos do sul, descendentes de italianos e alemães, formavam dois grupos religiosos predominantes, católicos e evangélicos. Para eles era fundamental encontrar na nova terra uma igreja, um apoio espiritual para seus problemas.” (SILVA; BRAGAGNOLLO; MACIEL, 1988, p.251).

Objetivos: Fornecer subsídios teórico-práticos à sociedade toledana a partir de dados da formação e fundação da cidade, bem como o amparo das igrejas aos novos moradores e sua fixação territorial. Através de um panorama da arquitetura religiosa católica (estrutura e simbologias), compreender-se-á o desenvolvimento do município, aliado à religião, por meio de suas obras, as quais transmitem através da arquitetura, todo avanço político e sociocultural da cidade.

Desenvolvimento: A evolução religiosa na cidade de Toledo teve grande importância para seu desenvolvimento, através de propostas de implantações das Igrejas. Vieram para Toledo padres e pastores, os quais convenceram os novos habitantes a se fixar na cidade. Logo no começo eram menos de 2 mil habitantes na recém-fundada Toledo, os anos passaram, as igrejas se instalaram e hoje a população está estimada em mais de 130 mil habitantes, sendo aproximadamente 89 mil pessoas pertencentes à religião católica. As Igrejas e o surgimento de Toledo possuem uma relação histórica muito entrelaçada, pois no local de sua fundação em 1946, hoje está localizada a Paróquia Cristo Rei, catedral da cidade. Com o decorrer dos anos surgiram outras igrejas católicas que ajudaram no desenvolvimento dos bairros e na consolidação do território toledano, tais como as Paróquias Nossa Senhora Aparecida, São Franscisco de Assis, São Pedro e São Paulo, Sagrada Família, Menino Deus e São Cristóvão. Na análise destas obras, a estrutura e simbologias de elementos arquitetônicos predominaram para que fosse diagnosticada a importância da religião e da fé no desenvolvimento de Toledo. De maneira geral, as igrejas apresentam simbologias diversas, porém parecidas e de grande importância aos fiéis. As cruzes apresentam-se de formas marcantes em tamanhos diversos, centralizadas ou nas laterais do edifício, dentro ou fora das igrejas. As cores claras presentes nos vitrais ou pinturas internas fazem referência ao céu, já as mais vibrantes demonstram o poder Divino. O pé-direito alto presente na grande maioria das igrejas analisadas as tornam imponentes e transmite aos fiéis a ideia de grandeza, além de contribuir para a acústica e ventilação do ambiente. O sacrário, utilizado para conservar a hóstia sagrada, deve ser de destaque, assim como as esculturas, que visam representar a devoção, respeito e adoração pela figura esculpida. As torres, por possuírem volumes, simbolizam sua grandiosidade e supremacia e abrigam muitas vezes os sinos que tem a função de anunciar algum acontecimento à comunidade. Por fim um dos simbolismos fortes mais utilizados dentro da arquitetura é a água, geralmente introduzido como espelhos d’agua com a intenção é representar pureza, cura. Porém, cada igreja tem suas próprias características. A Paróquia São Cristóvão foi erguida em estrutura metálica e o arquiteto utilizou de várias simbologias, como sua fachada que ganhou a forma de uma pomba, símbolo da paz. Já a arquitetura da Igreja Menino Deus contempla estilos diferentes, as abóbadas lembram a arte bizantina, os vitrais o gótico e a pintura o barroco. A Paróquia Sagrada Família assim como a São Pedro e São Paulo apresentam elementos em madeira como lustres, bancos e o próprio altar, passando o significado de que a humanidade de Cristo era honesta. A cruz da Paróquia Nossa Senhora Aparecida transmite a mensagem da nossa salvação, obediência e fidelidade de Cristo ao projeto do Pai. O destaque da Catedral Cristo Rei são os vitrais, que além de elemento decorativo serve para catequizar os fiéis, retratando importantes passagens bíblicas. A Paróquia São Francisco de Assis se destaca pela sua fachada principal com um painel de pedras.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (6.1 Kb)   pdf (121.4 Kb)   docx (13.3 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com