TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O Que é Consultoria Economica Familiar

Por:   •  22/5/2013  •  Resenha  •  600 Palavras (3 Páginas)  •  320 Visualizações

Página 1 de 3

O Que é Consultoria Economica Familiar

Recentemente participei de uma entrevista em uma rádio comunitária em meu bairro, e os locutores, a certa altura da entrevista, fizeram-me perguntas de natureza jurídica, associadas à defesa do consumidor. Respondi até onde meu conhecimento permitia, salientando que estas perguntas seriam mais bem respondidas por advogados e especialistas do Procon. Foi proposto um retorno, pois a entrevista teve uma boa repercussão na audiência.

Como houve uma confusão de atribuição, vale a pergunta: O que é Consultoria Econômica Familiar?

A Consultoria Econômica Familiar atua no comportamento dos indivíduos frente ao consumo e no trato de suas finanças. Segue o mesmo princípio da Consultoria Empresarial, diferindo apenas no objetivo final.

Enquanto a primeira objetiva o equilíbrio financeiro a segunda objetiva o lucro da empresa.

A Consultoria Empresarial atua diretamente na administração para que haja uma otimização da produtividade, atingindo assim o lucro desejado , diminuir ou estancar perdas, dentro de um período fiscal.

A Consultoria Familiar usa as mesmas ferramentas, contudo não atua só nas questões das dívidas, como podem pensar; ela atua em todo o sistema das rotinas familiares.

É comum o conceito que as pessoas têm que só conseguirão resolverem seus problemas financeiros se tiverem ou conseguirem muito dinheiro. Razão por que fazem empréstimos com freqüência. A Consultoria Econômica Familiar desfaz este mito.

O consultor, além de ajudar a organizar as finanças, mostra caminhos e orienta a família em relação a seus hábitos improdutivos que levam ao desperdício e gastos desnecessários.

Orienta e ensina o planejamento financeiro familiar, ajuda na elaboração de um plano de ação para eliminação das dívidas e também a elaborar um plano de metas para um crescimento econômico dentro de um prazo definido.

Orienta também como usar os órgãos públicos de defesa do consumidor e dá informações sobre seus direitos em caso de abusos contra o consumidor.

Vale lembrar que o Consultor Financeiro Familiar não é um especialista em leis, não é advogado, portanto não é um defensor.

Também orienta sobre poupança, armazenamento doméstico e investimentos, bem como possíveis alternativas de aumento de renda, tendo por base as aptidões e talentos da família.

Não decide nada pela pessoa ou pela família. É a pessoa que tem por responsabilidade agir por si mesma e tomar as decisões que achar adequada.

O consultor só dará as informações e orientações se, e somente se, o consultado decidir seguí-las com disciplina e concordar com orientação dada.

Para

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.9 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com