TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Aborto Na Gravidez

Por:   •  5/11/2012  •  316 Palavras (2 Páginas)  •  972 Visualizações

Página 1 de 2

Aborto na gravidez, um texto cientifico

Há anos o aborto vem sendo provocado por métodos diferentes. A partir da visão médica os seguintes termos são usados para definir os tipos de aborto: o espontâneo, que pode acontecer devido a uma ocorrência acidental ou natural; o induzido, que é causado por uma ação humana deliberada, e pode ser chamada também de interrupção voluntária da gravidez. O aborto induzido possui duas subcategorias, o aborto terapêutico, que pode ser provocado para salvar a vida da mulher, preservar a saúde física e mental da mesma e para dar fim à uma gestação que resultaria numa criança com problemas congênitos; e o aborto eletivo, que é provocado por qualquer outra motivação.

Existe uma grande controvérsia sobre os efeitos do aborto, para o feto, obviamente, o aborto nunca seria seguro, pois provoca sua morte sem ele ter direito a defesa alguma. Normalmente os abortos feitos por médicos competentes são na maioria das vezes considerados seguros para as mulheres, claro, dependendo do tipo de cirurgia realizado. Os métodos que são perigosos para a mulher, são os que não são médicos, como o uso de certas drogas, ervas ou a inserção de objetos não cirúrgicos no útero, facilitando a um elevado risco de infecção ou até mesmo a morte.

Segundo Aborto (2011, web) “Existem, com variado grau de probabilidade, possíveis efeitos negativos associados a prática abortiva, nomeadamente a hipótese de ligação ao câncer de mama, a dor fetal, a síndrome pós abortivo”. Existe uma hipótese de que o aborto induzido tenha uma relação causal com o risco de desenvolvimento de câncer de mama, enfatiza-se que se no início da gravidez o nível de estrogênio aumenta, levando ao crescimento das células mamários necessário a futura base de lactação, a gravidez não pode ser interrompida antes da completa diferenciação celular, pois existiriam mais células indiferenciadas vulneráveis a contração da doença. O fato de existir ou não sensações fetais durante

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com