TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Impactos Da Copa Do Mundo De Futebol

Pesquisas Acadêmicas: Impactos Da Copa Do Mundo De Futebol. Pesquise 807.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  5/5/2014  •  1.481 Palavras (6 Páginas)  •  305 Visualizações

Página 1 de 6

IMPACTOS DA COPA DO MUNDO DE FUTEBOL

Titulação: Professor de Educação Física, mestrando em ciências do esporte, na Faculdade de Educação Física (FEF) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

Linhas de pesquisa que atua:

- Avaliação Física e Prescrição de exercícios.

- Exercício Físico aplicado às Doenças Crônicas Degenerativas

- Exercício Físico e Obesidade

- Ginástica e promoção da saúde

- Origens da prevalência da obesidade

- Participação do sistema simpatoadrenal no desenvolvimento da obesidade

- Participação dos sistema nervoso autônomo no desenvolvimento da obesidade e diabetes

- Regulação central da glicemia

|Indicadores de produção C, T & A dos anos de 2007 a 2010 |

|Tipo de produção |

|2007 |

|2008 |

|2009 |

|2010 |

|

|3 |

|0 |

| |

|Produção técnica |

|0 |

|7 |

|4 |

|0 |

| |

|Orientação concluída |

|0 |

|1 |

|3 |

|0 |

| |

|Produção artística/cultural e demais trabalhos |

|0 |

|0 |

|0 |

|0 |

| |

FUTEBOL: MANIFESTAÇÃO CULTURAL

E IDEOLOGIZAÇÃO

INTRODUÇÃO

O esporte tem assumido um papel importante no Brasil e tem sido discutido através de diversas abordagens, principalmente no que se refere à apropriação que é feita do mesmo enquanto fenômeno social. O futebol no Brasil, dentro do contexto esportivo, é que tem recebido maior atenção. Isso se explica principalmente pela popularidade alcançada por esse esporte no contexto mais amplo da sociedade brasileira. O futebol pode ser visto como integrante importante da cultura brasileira. Damatta (1982), por exemplo, afirma que esse esporte expressa a sociedade brasileira, devendo, portanto, ter seu espaço assegurado.

A preocupação de entender como ocorre a apropriação do futebol tem sido intensamente estudada e se encontram muitos interesses que estão relacionados a ele. Segundo Pires (1998), tais interesses podem ser claramente identificados através de várias abordagens, como a funcionalização, a sociabilização, a ideologização, a mercadização e a espetacularização

do esporte. Recortando o esporte, no caso o futebol, através de qualquer uma dessas abordagens, pode-se a chegar uma reflexão crítica em relação a esse fenômeno social, sem, contudo, perder de vista a interpenetração dessas abordagens. Tendo claro que o futebol pode ser visto através de enfoques diferentes, optamos neste artigo abordá-lo através de duas perspectivas: enquanto manifestação cultural e como meio de transmissão ideológica, sendo a mídia o principal canal para essa veiculação ideológica.

METODOLOGIA BIBLIOGRÁFICA E DOCUMENTAL

O futebol seria assim um espaço onde a sociedade simbolicamente se expressa, manifesta-se, deixando descobrir-se. “O futebol praticado, vivido, discutido e teorizado no Brasil seria um modo específico, entre tantos outros, pelo qual a sociedade brasileira fala, apresenta-se, revela-se, deixando-se, portanto descobrir” (Da Matta, 1982, p. 21).

“No caso, o seu papel é desviar a atenção e mistificar o povo. Ou seja, só quem sabe o real papel do futebol na sociedade brasileira é a camada dominante (que o utiliza como ópio das massas) e os críticos da sociedade. A massa permanece na escuridão de sua idiotice crônica, incapaz de perceber seu sistemático engano.” (Da Matta,1982, p. 22).

Dessa forma, o futebol seria um legítimo representante da cultura brasileira, com a malandragem que fica transparecida em sua subjetividade, na suas entrelinhas. Esse esporte pode expor de maneira significativa a forma de relação que se estabelece no seio da sociedade.

Apesar dessa riqueza simbólica que se estabelece no e através do futebol, este já é visto, no começo do século XX, não apenas como uma forma de manifestação cultural que está inserido dentro do imaginário coletivo.

A concepção de ideologia que pretendemos nos apoiar neste trabalho é a defendida por (Thompson, 1995, p. 16) que diz que: “A análise da ideologia pode ser vista como uma parte integrante de um interesse mais geral

ligado às características da ação e da interação, às formas de poder e de dominação, à natureza da estrutura social, à reprodução e à mudança social, às qualidades das formas simbólicas e a seus papéis na vida social.”

O futebol, uma das formas simbólicas, não é ideológico em si mesmo, mas se torna, na medida em que é utilizado em um determinado contexto social no sentido de transparecer valores e verdades de uma determinada concepção que se pretende tornar hegemônica. “... As formas simbólicas, ou sistemas simbólicos, não são ideológicos em si mesmo: se eles são, e quando são ideológicos depende das maneiras como ele são utilizados e entendidos em contextos sociais específicos” (Thompson, 1995, p.17).

A copa de 70 é outro exemplo clássico da utilização do futebol com fins políticos ideológicos. Segundo Ramos (1984), o então presidente Médici foi promovido a torcedor número um do Brasil e passou a ser um assíduo freqüentador das tribunas de honra dos estádios. O

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com