TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

CASO 4 FUNDAMENTOS CIENCIAS SOCIAIS

Trabalho Escolar: CASO 4 FUNDAMENTOS CIENCIAS SOCIAIS. Pesquise 807.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  29/10/2013  •  391 Palavras (2 Páginas)  •  892 Visualizações

Página 1 de 2

Aplicação prática e teórica

Questão discursiva:

Leia a reportagem a seguir: ?Antes de pedalar pelas ruas de Amsterdã com uma bicicleta vermelha e um sorriso largo, como fez na tarde da quarta-feira da semana passada, Ícaro Luís Vidal dos Santos, 25 anos, percorreu um caminho duro, mas que poderia ter sido bem mais tortuoso. Talvez instransponível. Ele foi o primeiro cotista negro a entrar na Faculdade de Medicina da Federal da Bahia. Formando da turma de 2011, Ícaro trabalha como clínico geral em um hospital de Salvador. A foto ao lado celebra a alegria de alguém que tinha tudo para não estar ali. É que, no Brasil, a cor da pele determina as chances de uma pessoa chegar à universidade. Para pobres e alunos de escolas públicas, também são poucas as rotas disponíveis. Como tantos outros, Ícaro reúne várias barreiras numa só pessoa: sempre frequentou colégio gratuito, sempre foi pobre ? e é negro. Mesmo assim, sua história é diferente. Contra todas as probabilidades, tornou-se doutor diplomado, com dinheiro suficiente para cruzar o Atlântico e saborear a primeira viagem internacional.? (Revista Isto É, 05/04/2013).

A partir da leitura do texto acima explique em que consiste o ?Mito das Três Raças? e interprete a história de Ícaro Luiz Vidal dos Santos com base nas discussões acerca da atualidade desse mito.

Resposta: O mito das três raças mostra os fatos da colonização onde a miscigenação das raças indígenas, europeias e africanas ajudaram a formar uma nova nação. Uma teoria que hoje esta em desuso. Na história de Ícaro a realidade mostra que mesmo depois de tantos anos a cultura de que o negro é “inferior” (com o perdão da definição ) e que a escravidão ainda traz suas sombras e faz de nós um pais pobre em cultura e rico em preconceitos.

Questão de múltipla escolha:

Há uma "ideologia abrangente" permeando todas as camadas e espaços sociais: "preguiça do índio", "melancolia do negro", a "cupidez" e "estupidez", do branco lusitano, responsáveis, nessa visão popular, pelo nosso atraso econômico e social, indigência cultural e a nossa necessidade de autoritarismo político, fator corretivo básico neste universo social que, entregue a si mesmo, só poderia degenerar. (Roberto da Matta in Relativizando: uma introdução à antropologia social).

O fragmento de texto acima se refere ao pensamento de:

A) Gilberto Freyre

B) Sérgio Buarque de Hollanda

C) Conde de Gobineau

D) Darcy Ribeiro

E) Fernando Henrique Cardoso

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.5 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com