TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Cristianismo

Dissertações: Cristianismo. Pesquise 788.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  21/2/2013  •  629 Palavras (3 Páginas)  •  664 Visualizações

Página 1 de 3

RACISMO

O racismo consiste em crer que certos povos ou pessoas são superiores a outras devido a pertencer a uma raça específica. Os racistas diferenciam as pessoas com base em características físicas como a cor de pele e o aspeto do cabelo, tamanho do nariz e lábios, cultura, religião e costumes diferentes

O racismo era uma forma de justificar o domínio de determinados povos sobre outros, como se verifica no período de escravidão, colonialismo, e nos genocídios (crimes contra a humanidade) ocorridos ao longo da história.

No século XX, algumas formas de racismo como o Nazismo e o Apartheid marcaram a história.

Na Alemanha, durante a Segunda Guerra Mundial. a intenção dos nazistas(Nazismo) era exterminar os judeus , com base no argumento de superioridade da raça germânica.

O Apartheid foi um dos regimes de discriminação mais cruéis no mundo ,aconteceu na África do Sul de 1948 até 1990. Era um sistema politico de segregação da população negra(que era a maioria), comandado pela minoria branca. Negava aos negros qualquer direito ( politico, social, económico…), além de terem que viver em zonas separados dos brancos.

as consequências do racismo podem levar a exclusão das pessoas mais desfavorecidas, obrigando-as a coisas desumanas, submetidas a escravidão, violência, humilhações causando-lhes um desgaste tal, stress extremo e perturbações mentais que por vezes as pode levar ao suicídio, alem de que atitudes racistas geram mais racismo.

Na escola faz com que a criança vitima de racismo desenvolva um profundo sentimento de inferioridade, uma inadaptação social grave e no mínimo ao total fracasso escolar e ate a problemas muito mais graves.

O racismo vai contra os princípios da Declaração Universal dos Direitos do Homem, de 1948, que afirma a igualdade de todas as pessoas.

O dia 21 de março foi estabelecido pela ONU (Organização das Nações Unidas) como o Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial, em memória aos mais de 60 mortos em um massacre ocorrido na África do Sul nesse mesmo dia no ano de 1960.

O século XIX assistiu à abolição da escravatura numa série de países e a luta contra a discriminação racial tem envolvido personalidades tão destacadas como Martin Luther King e Nelson Mandela, registando progressos significativos.

Martin Luther King líder da população negra norte-americana, nasceu em 1929, em Atlanta, e morreu assassinado em 1968. O seu protagonismo foi decisivo para a declaração de inconstitucionalidade da segregação racial dos negros. Recebeu o Prémio Nobel da Paz em 1964.

Nelson Mandela foi um líder rebelde e, posteriormente, presidente da África do Sul de 1994 a 1999. Principal representante do movimento antiapartheid, considerado pelo povo um guerreiro em luta pela liberdade, era tido pelo governo sul-africano como um terrorista e em consequência dessa sua luta passou quase três décadas na cadeia. Foi-lhe atribuído o Prêmio Nobel da Paz em 1993.

“Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, sempre vai existir guerra.” Bob Marley

“Eu tenho um sonho. O sonho de ver

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.9 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com