TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A ANGUSTIA DA VIDA EXECUTIVA

Por:   •  4/11/2014  •  728 Palavras (3 Páginas)  •  303 Visualizações

Página 1 de 3

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4

3 CONCLUSÃO...........................................................................................................6

BIBLIOGRAFIA............................................................................................................7

1 INTRODUÇÃO

Na vida atual o trabalhador vem se excedendo com suas obrigações profissionais, onde esta afetando principalmente a vida pessoal e familiar. Com isso a cada dia causando o estresse no trabalhador e até na família.

Esse processo se da por conta da globalização.

A importância desse tema é que precisamos fazer um estudo para que cheguemos a uma conclusão de aperfeiçoamento para que saibamos conviver e adaptar as horas e as atividades descritas.

Para saber lidar com as pressões, intolerâncias a capacidade humana.

2 DESENVOLVIMENTO

A cada dia as organizações vêm cobrando mais e mais de trabalhadores, onde eles estão ultrapassando a capacidade física e mental do próprio corpo, sobrecarregando e submetendo cada indivíduo a uma pressão psicológica e física. e isso os leva a trabalhar no mínimo umas dezesseis horas por dia, incluindo neste as horas de folga.

A vida executiva é um caminho complicado, penoso, de muito ansiedade, angustia e estresse.

Os trabalhadores deveriam tomar cuidado para que as atividades e problemas da organização não excedem as paredes do escritório, mas em geral não é isso que esta acontecendo atualmente. Pois com o avanço da tecnologia o trabalhador trabalha em casa, em todas as horas, sem conseguir se desligar dos problemas profissionais ,

Acredito que você tem duas possibilidades. Uma é você exercer o seu talento e pagar o preço por ter a coragem de enfrentar a angústia da indefinição. A outra é você se acovardar frente às múltiplas escolhas e virar um genérico. Temos de um lado a alegria do talentoso e, do outro a alegria genérica. Cada um deve saber o que merece na vida. Você pode ter a tranqüilidade de ser um genérico ou a inquietude do exercício do seu talento (FORBES, Jorge; 09/02/2014).

Citamos aqui algumas opções que levam o trabalhador a insatisfação profissional como: baixa remuneração, não cobrindo assim as expectativas; a baixa perspectiva na carreira, onde os profissionais não têm cursos de reciclagem; equilíbrio entre a vida pessoa e familiar, onde trabalhadores não estão sabendo destinguir as atividades; sobrecarga de trabalho, onde estão trabalhando mais do que deveriam e fazendo serviços que não seriam só do cargo e obrigação deles.

Todas as empresas devem incluir metodologias em grupo de decisões empresariais, saber dar oportunidade para que a equipe se torne um só grupo, com a compreensão de compartilhar suas angústias, dúvidas e inseguranças. Criar opções para que o trabalhador aumente sua capacidade, produtividade e elevar também a sua auto estima. Estudar e criar cursos de reciclagem, enfim métodos que facilitem a vida do trabalhador e também da organização. Devem também proporcionar um clima favorável, focar de forma mais clara os objetivos da empresa

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.1 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com