TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Exercícios sobre o tema "Psicologia científica e senso comum"

Por:   •  31/3/2014  •  Ensaio  •  1.547 Palavras (7 Páginas)  •  607 Visualizações

Página 1 de 7

EXERCÍCIO DE FIXAÇÃO PARA PROVA DA AULA 1 A AULA 13 – 2013.2

AULA1- Psicologia científica e senso comum.

1 - Hoje a Psicologia é definida como a ciência

*A) do comportamento e dos processos mentais

B) do comportamento humano e dos processos mentais

C) da mente

D) da motivação, da emoção, da personalidade, do ajustamento e da anormalidade.

2- Assinale a afirmativa CORRETA, a respeito da concepção de homem, entendido como um ser “sócio-histórico”, segundo Bock, Furtado & Teixeira (1999):

(a) Existe um conjunto de traços herdados que, em contato com um ambiente determinado, tem como resultado um ser específico, individual e particular;

(b) As modificações biológicas hereditárias determinam o desenvolvimento sócio-histórico do homem e da humanidade;

*(c) A assimilação pelo homem de sua cultura é um processo de reprodução no indivíduo das propriedades e aptidões historicamente passadas pela espécie humana;

(d) O homem é primitivamente um ser isolado e não social, desenvolve gradualmente a necessidade de relacionar-se com os outros indivíduos;

(e) O homem surge como ser único cujas aptidões para relacionar-se dependem das situações de vida e históricas presentes no seu dia a dia.

(PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS- PSICÓLOGO/2004)

3- Os cientistas fazem estudos, fazem pesquisas, que levam às descobertas. As descobertas precisam ser apresentadas aos demais cientistas, e estes precisam ficar convencidos de que a descoberta é verdadeira. Novas pesquisas estão sempre sendo feitas. Uma nova pesquisa pode questionar o que se pensava antes, pode provocar polêmica, pode dar margem a várias teorias. Uma ciência é, portanto, bem mais interessante do que uma coleção de fatos, leis e fórmulas. Ela é mais parecida com uma novela de televisão, ou melhor, ainda, com um romance de mistério. A ciência tem enigmas, tem suspense, têm divergências e controvérsias, pistas falsas, becos sem saída, idas e vindas, reviravoltas e revoluções. (Prof. Julio Cesar de Rose – UFSCAR)

Partindo do texto apresentado e do conhecimento adquirido nas aulas, explique de que forma a Psicologia se tornou uma ciência.

4- Você observou na aula que existem a Psicologia científica e a Psicologia do senso comum. Supondo que seu contato até o momento tenha sido apenas com a Psicologia do senso comum, relacione situações do cotidiano em que você e as pessoas com quem convive usem esta Psicologia.

5 - Um objeto de pesquisa só pode ser definido e construído em função de uma problemática teórica que permita submeter a uma interrogação sistemática os aspectos da realidade colocados em relação entre si pela questão que lhes é formulada. O cientista social que recusa a construção controlada e consciente de seu distanciamento ao real e de sua ação sobre o real pode não só impor aos sujeitos determinadas questões que não fazem parte da experiência deles e deixar de formular as questões suscitadas por tal experiência, mas ainda formular-lhes, com toda a ingenuidade, as questões que ele próprio se formula a respeito deles, por uma confusão positivista entre as questões que se colocam objetivamente aos sujeitos e as questões que eles formulam de forma consciente. Sem dúvida, pode-se e deve-se coletar os mais irreais discursos, mas com a condição de ver neles, não a explicação do comportamento, mas um aspecto do comportamento a ser explicado.

Pierre Bourdieu; Jean-Claude Chamboredon; Jean-Claude Passeron. Ofício de sociólogo: metodologia da pesquisa na sociologia. 4.ª ed. Trad. Guilherme João de Freitas Teixeira. Petrópolis: Vozes, 2004.

Considerando os argumentos apresentados no texto com relação à construção do objeto de pesquisa nas ciências sociais, assinale a opção incorreta.

A) Os discursos e problemas sociais já se encontram previamente elaborados para os sujeitos sociais; cabe ao cientista social, durante a realização de uma pesquisa empírica, interpretar os dados e informações orientando-se pela problemática teórica pertinente.

B) Objetos de pesquisa, problemas teóricos, hipóteses e metodologias de investigação são partes constitutivas dos projetos de pesquisa nas ciências sociais e visam criar uma situação de distanciamento epistemológico diante da realidade a ser investigada.

C) Métodos e técnicas de pesquisa como observação participante, pesquisas de opinião, questionários

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10.8 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com