TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Introdução A Anatomia Humana

Por:   •  18/4/2013  •  1.700 Palavras (7 Páginas)  •  5.034 Visualizações

Página 1 de 7

INTRODUÇÃO DA ANATOMIA HUMANA

Divisão da anatomia humana

Esta divida em:

Anatomia descritiva ou sistêmica – é o estudo do corpo humano através da descrição das estruturas do corpo, segundo afinidades morfológicas e funcionais, dando origem aos sistemas. Exemplo: sistema esquelético, sistema muscular, sistema nervoso e órgãos dos sentidos, sistema circulatório.OBS: descreve os órgãos e suas funções (morfofuncionais)

Topografica ou regional – é o estudo do corpo humano através da descrição de grandes regiões do corpo, independente do sistema a que pertence.Exemplo: Pelve. OBS: Descreve os órgãos que estão contidos na região topográfica.

Artistica – é a descrição das formas externas do corpo, respeitando relevos internos e profundos.

Imagiológica – é o estudo do corpo humano através da identificação de estruturas internas utilizando vários tipos de radiação. Exemplo: radiografias e tomografia.

Endoscópica – é o estudo do corpo humano através da introdução de câmeras nas cavidades do corpo.

Antropológica – é o estudo através dos tipos raciais, verificando a historia natural da espécie. Exemplo: Branco, negro, amarelo.

Biotipológica – é o estudo do corpo humano através dos tipos morfológicos constitucionais. Exemplo: longilíneo, brevelíneo e normais.

Comparativo – é o estudo através do desenvolvimento da espécie, não só se limitando ao homem. Exemplo: homem e porco.

Variações Anatômicas

Variação anatômica- É qualquer fuga do padrão sem prejuízo da função, podem apresentar-se externamente ou em qualquer sistema do organismo, sem que isto traga prejuízo funcional para o individuo.

- Variação anatômica externa: indivíduos diferentes (baixo, alto, magro, gordo).

- Variação anatômica interna: em órgãos internos (estomago e ramificações de vasos sanguíneos).

Conceito de normal, anomalia e monstruosidade

- Normal: em anatomia é um conceito estatístico, representado pelo que ocorre na maioria dos casos, o mais frequente (o normal). Ex. 20 dedo, coração com seu ápice inclinado para o lado esquerdo do corpo.

- Variação anatômica: é uma alteração da forma ou posição do órgão, porem, não causa prejuízo na função.

- Anomalia: é uma alteração da forma ou posição do órgão, que causa prejuízo na função. Ex. ausência de membros (falta de um dedo)

- Monstruosidade: é uma alteração da forma ou posição do órgão, que causa prejuízo na função, altera a construção do corpo. Ex: anencefalia

Fatores gerais de variação anatômica

Fatores de variação

1º Idade

A) Fase intra-uterina:

1 – ovo: 15 primeiros dias

2 – Embrião: até o fim do 2º mês

3 – Feto: até o 9º mês

B) Fase externa

1 – recém-nascido: até um mês após o nascimento

2 – Infante: até 2 anos

3 – menino: até o fim do 10º ano

4 – Pré-púbere: até a puberdade

5 – Púbere: dos 12 aos 14 anos (maturidade sexual)

6 – Jovem: até os 21 anos (sexo feminino)

7 – Adulto: 50 anos – feminino – menopausa

60 anos – masculino

8 – Velho: acima dos 60 anos

2º Sexo – característica de masculinidade e feminilidade mesmo fora da esfera genital.

3º Grupo étnico – diferentes características físicas, grupos com diferenças, brancos, negros, amarelos.

4º Biotipo – caráter herdado de acordo com cada grupo racial. Existem dois tipos:

A) Extremo

1º longilíneos: magro, alto, pescoço longo e tórax achatado

...

Baixar como (para membros premium)  txt (11 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com