TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

AVALIAÇÃO DOS ERROS ASSOCIADOS AO MATERIAL DE VIDRO

Por:   •  29/4/2013  •  296 Palavras (2 Páginas)  •  1.134 Visualizações

Página 1 de 2

1- Introdução

1.1 Princípios gerais

O material volumétrico de laboratório é construído de modo a poder conter (p.ex. balões volumétricos e

provetas) ou a poder escoar (p.ex. buretas e pipetas) volumes especificados. Geralmente, este material é

fabricado em vidro e tem limites de tolerância, particularmente no que diz respeito ao erro máximo de

calibração. De acordo com isso é classificado como sendo da Classe A ou da Classe B. O material da

Classe A tem limites de tolerância mais apertados, e é normalmente destinado a trabalhos de maior

exactidão; o material da Classe B é mais utilizado em trabalhos de rotina em que não se requer um grande

rigor. Para a maior parte dos trabalhos analíticos o material da Classe A é adequado. No entanto, por

vezes, é necessário verificar-se o volume realmente contido ou escoado pelos aparelhos volumétricos.

Essa verificação faz-se através dum procedimento que se designa por calibração. A calibração consiste,

normalmente, na determinação da massa de água que é contida ou escoada por uma determinada peça de

equipamento; essa massa é, em seguida, convertida em volume através da densidade do líquido. Dadas as

características do método, numa calibração devem ser considerados as influências da temperatura no

material volumétrico e da impulsão do ar nas pesagens.

1.2 Cálculos

Conversão da massa para volume

A conversão é efectuada com base em duas pesagens: uma correspondente ao recipiente cheio e a outra

correspondente ao recipiente vazio. A diferença entre os resultados das duas pesagens fornece a massa

aparente da água contida no recipiente a calibrar. Para se obter o volume contido no recipiente calibrado,

à temperatura de referência, é necessário ter em atenção os seguintes factores:

- a massa volúmica da água, à temperatura de calibração;

- o efeito da impulsão do ar na água e nos pesos da balança;

- a expansão térmica do material do recipiente a calibrar entre a temperatura de calibração e a temperatura

de referência

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com