TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ANALISE DAS TEORIAS DE FREDERICK TAYLOR

Por:   •  22/2/2014  •  1.560 Palavras (7 Páginas)  •  333 Visualizações

Página 1 de 7

ANÁLISE DAS TEORIAS FREDERICK TAYLOR

Um pouco de Frederick Winslow Taylor, nascido na Filadélfia em 20 de março de 1856 em uma família de classe alta, é considerado o pai da administração científica. Criado dentro da doutrina dos Quakers (movimento puritano inglês radical, variante do protestantismo) assimilou a disciplina e o respeito à hierarquia. Sempre foi um adolescente compulsivo e estava sempre contando e medindo coisas, para elaborar uma maneira melhor de se fazer algo. Frederick Taylor era formado em engenharia.

Nos seus estudos Taylor identificou alguns problemas que afetavam as organizações diminuindo a sua produtividade, que eram os seguintes:

• A vadiagem no trabalho onde afirmava que os empregados produziam muito menos do que eram capazes, e isto era causado pela forma de remuneração, pelo temor que o aumento de produtividade levaria ao desemprego.

• Falta de conhecimento dos gerentes sobre o tempo necessário para realizar as tarefas, permitindo assim a negligencia dos trabalhadores, já que estes, na visão de Taylor, têm o instinto natural de fazer o menor esforço.

• Falta de métodos que determinem a melhor maneira de executar uma tarefa, através do estudo dos tempos e movimentos.

O filme Tempos Modernos de Charles Chaplin retrata bem esses problemas citados por Frederick Taylor.

Nas primeiras cenas do filme Tempos Modernos aparece à linha de montagem rotineira e monótona em uma indústria, onde carlitos o personagem do filme trabalhava como operário. O operário atua como máquina cada um executando uma tarefa determinada.

Taylor desenvolveu uma análise do trabalho realizado pelos operários e desenvolveu um estudo dos tempos e movimentos, que permitiu raciocinar os métodos de trabalho dos operários e a fixação de tempos padrões para a execução de cada tarefa. Vejamos abaixo:

• Racionalização do trabalho dos operários;

• Tempo para realizar tarefa de maneira racionalizada;

• Criação de um tempo-padrão para execução da tarefa;

• Especialização do operário para melhor realização do trabalho;

• Maior controle sobre operário;

• Busca da melhor maneira de executar a tarefa.

Está é uma observação do trabalho dividindo e subdividindo todos os movimentos necessários para a execução da determinada tarefa. Taylor observou cada operação separando em tarefas no intuito de formar uma série ordenada de movimentos simples. Os movimentos inúteis eram eliminados e os movimentos úteis simplificados e racionalizados a fim de proporcionar economia de tempo e de esforço ao operário.

Em uma cena do filme Carlitos é levado à loucura pela "monotonia frenética" do seu trabalho, o trabalho na época era cansativo, o trabalhador era considerado como um pedaço de uma máquina, os trabalhadores não tinham descanso, o trabalhador era tratado como um escravo, nos seus estudos Taylor desenvolveu o estudo da fadiga humana:

• Eliminação de movimentos que apenas desgastam e não são eficientes;

• Adaptação de movimentos a fisiologia humana;

• Fadiga Humana produz diversos efeitos maléficos como: mais acidentes, mais doenças, maior tempo para realizar tarefa, menor qualidade do trabalho e maior rotação de pessoal e menor produtividade.

Com este estudo pretendia-se racionalizar todos os movimentos, eliminando aqueles que produzem a fadiga, comparando com os dias atuais hoje contamos com horário de almoço, férias e até ginástica elaboral para evitar doenças.

Na cena do filme, no momento em que Carlitos mexia na alavanca que parava e iniciava o processo, apenas um trabalhador desfazia a operação, mesmo que outros estivessem mais próximos da alavanca. Uma das decorrências do estudo dos tempos e movimentos foi à divisão do trabalho e a especialização do operário a fim de elevar sua produtividade.Com isto, cada operário passou a ser especializado na execução de uma única tarefa. Análise da Divisão do Trabalho e Especialização do Operário e Desenho de Cargos e Tarefas.

• Conseqüências do estudo de tempos e movimentos;

• Melhora da eficiência do operário;

• Limitação do operário a uma tarefa repetitiva;

• Quanto maior a especialização, maior

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10.7 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com