TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Atuação Do Assistente Social Na Empresa: Um Trabalho Diferenciado

Ensaios: Atuação Do Assistente Social Na Empresa: Um Trabalho Diferenciado. Pesquise 845.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  13/3/2014  •  1.367 Palavras (6 Páginas)  •  704 Visualizações

Página 1 de 6

1. TEMA

Atuação do Assistente social na empresa: um trabalho diferenciado

1.1. DELIMITAÇÃO DO TEMA

Atuação do assistente social em algumas empresas privadas no Município de Vilhe

na/ RO.

2. INTRODUÇÃO

O presente projeto visa elencar quais os fatores que contribuem para que as empresas do município de Vilhena-Ro não tenham no quadro de funcionários o profissional assistente social.

Visto que, a presença deste no mercado de trabalho vem confirmar ascensão do capitalismo que cria a necessidade de novas relações sociais no mundo do trabalho contemporâneo. Em decorrência destas transformações observa-se a necessidade de intervenção do Serviço Social junto às empresas, para mediar os conflitos surgidos da relação capital e trabalho.

A contratação deste profissional vem atender contraditoramente a necessidade do capital contratante, como as necessidades básicas dos colaboradores, exemplo: qualidade de vida, direitos sociais, socialização de informações pertinentes ao processo de trabalho.

Relacionado ao capital, este profissional deve trabalhar a equipe, visando ascensão do lucro e desenvolvimento dos mesmos. Lembrando que, o Código de ética do assistente social deixa bem claro, ao iniciar o trabalho o profissional deve elucidar seus objetivos e a amplitude de sua atuação profissional aos colaboradores. Ao desempenhar suas atividades com eficiência e responsabilidade, as normas e princípios do Código de Ética Profissional passam a ser efetivado em seu âmbito de trabalho. O Serviço social deve trabalhar com transparência na prestação de serviços aos que deles necessitam, objetivando adquirir confiança e credibilidade de toda a equipe.

Quando o serviço social tiver adquirido este credito os colaboradores o procurarão para resolver os seus anseios, dilemas ou propor sugestões de mudança que possa beneficiar tanto a equipe quanto a empresa. O assistente social deve trabalhar para aproximar os colaboradores dos Gestores criando uma via de mão dupla. Segundo o Código de Ética do profissional assistente social, afirma que o mesmo “não deve exercer sua autoridade de maneira a limitar ou cercear o direito usuário de participar e decidir livremente sobre seus interesses”. A partir dos apontamentos mencionados pelos colaboradores deve ser feito uma analise da situação, no intuito de identificar as problemáticas inerentes à empresa. Diagnosticados os problemas é feito um plano de ação que vise implantar políticas de incentivo para superar as metas estabelecidas. Isto resulta em mudanças na organização de produção do processo de trabalho implicando em alterações nas estratégias de gestão da força de trabalho e nos sistemas gerencias que dão suporte.

3. PROBLEMATIZAÇÃO

Quais os fatores que contribuem para a inexistência de Assistentes sociais no quadro de funcionários das empresas do Município Vilhena/ RO?

4. JUSTIFICATIVA

É de suma importância a pesquisa ora apresentada, pois os assistentes sociais precisam conquistar seu espaço dentro das empresas de Vilhena, uma realidade de outros estados brasileiros onde de acordo com Iamamoto (2004) o profissional é requisitado para atuar em programas de qualidade de vida no trabalho, saúde do trabalhador, gestão de recursos humanos, prevenção de riscos sociais, sindicalismo de empresa, administração de benefícios, entre outros programas. Desta forma o profissional passa a usar seu instrumental teórico metodológico.

“Segundo Guerra, a instrumentalidade não se refere ao conjunto de instrumentos e técnicas, mas uma determinada capacidade ou propriedade constitutiva da profissão construída e reconstruída no processo sócio-historico” (GUERRA, 2000:01).

Instrumentalidade que não representar um conjunto de instrumentos com os quais os assistentes sociais desenvolvem sua práxis profissional. Diz respeito a uma capacidade adquirida no decorrer da profissão que possibilitará responder as demandas colocadas ao Serviço Social, onde o mesmo planeja e estabelece objetivos com finalidade de alcançar os resultados, implantando os conhecimentos adquiridos: éticos-politicos, teórico-metodologicos e técnicos- operativos.

Esta capacidade adquirida como coloca o autor acompanha o profissional em seu espaço institucional de trabalho, objetivando desenvolver estratégias para responder os “problemas” sociais posto pelos colaboradores. Atuação deste profissional no campo empresarial justifica-se em novas exigências e qualificações no mundo do trabalho moderno, questão que determina na redefinição do processo de trabalho permitindo potencializar o capital. Através destas mudanças mencionadas acima, surgiu à necessidade deste profissional no mercado de trabalho, ressaltando que foi a partir da década de 1930, com o advento da industrialização o qual foi um divisor de águas na historia Brasileira.

Com o crescimento da industrialização, culminou na ascensão do capital da classe burguesa. Respaldada pela política focalista de Getulio Vargas

Diante deste contexto, a classe trabalhadora reivindica e lutam pelos seus direitos junto os demais trabalhadores, foi o período em que houve grande migração da zona rural para urbana, causando inchaço nos grandes centros. Lubridiados pela percepção, que na cidade poderia conceder uma vida melhor a família deparou-se com outra realidade. É relevante ressaltar, que neste período de migração houve aumento das expressões da questão social manifestada em pobreza, fome, miséria, violência, criminalidade, desemprego.

Ansiosos por mudanças, as massas dos desempregados acreditavam que o governo Getulio Vargas resolveria todos os seus problemas, ou seja, foi uma época em que o país mergulhou em contradições, greves ocupação de fabricas e um grande agito social.

Desta forma fica claro, que se pretendia remodelar a economia frente às mudança. Início da consolidação de uma frente econômica baseada na indústria trazia consigo ascensão de um novo grupo social que viria determinar futuramente os rumos econômicos do país.

E neste contexto que o assistente social vem intervir, pelo fato do mesmo ser um profissional especializado para atuar com as demandas da questão social.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com