TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

IMPORTÂNCIA DA COMUNICAÇÃO NO RELACIONAMENTO INTERPESSOAL, CONSIDERANDO TANTO A PERSPECTIVA DOS CLIENTES INTERNOS QUANTO EXTERNOS.

Trabalho Universitário: IMPORTÂNCIA DA COMUNICAÇÃO NO RELACIONAMENTO INTERPESSOAL, CONSIDERANDO TANTO A PERSPECTIVA DOS CLIENTES INTERNOS QUANTO EXTERNOS.. Pesquise 804.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  10/5/2014  •  518 Palavras (3 Páginas)  •  570 Visualizações

Página 1 de 3

O comportamento dos indivíduos é o mais importante fator que afeta o desenvolvimento e a eficácia de uma equipe de trabalho. “Relacionar-se bem com os outros” costuma figurar como qualificação desejável em ofertas de emprego, o que pode ser facilmente compreendido ao se calcular o tempo em que se passa se comunicando com outras pessoas. Um funcionário pode ser muito inteligente e esforçado, além de bem informado na sua área, mas se carecer de destreza interpessoal ele provavelmente não irá durar muito num emprego onde precisará lidar com outras pessoas.

“A origem etimológica da palavra comunicação é tornar comum, ou seja, se uma pessoa consegue fazer com que

sua idéia seja captada a compreendida por outra(s)

pessoa(s) nesse momento ocorreria o fenômeno da

comunicação”. (Pimenta, 2004).

A comunicação nas organizações é incontestavelmente um fator de importância e relevância que auxilia na preservação do clima organizacional favorável, no bom relacionamento entre os empregados e é um eficiente complemento motivacional. A comunicação dentro das organizações está muito relacionada com a cultura organizacional, pois é por meio da cultura que o processo de comunicação se molda. Segundo Chiavenato (2000, p. 444), entende-se por cultura organizacional, o conjunto de crenças e valores adotados pela organização, que em outras palavras representa as regras informais e não escritas que guiam o comportamento dos membros da organização no dia-a-dia e que direcionam suas ações para a realização dos objetivos organizacionais. As empresas que conseguem manter um canal aberto com seus empregados identificam melhor os problemas existentes na organização, trazendo soluções eficazes e uma melhor integração na relação hierárquica. Na análise de Davis & Newton (2001, p. 5), quando a comunicação é eficaz, a pessoa compreende melhor suas tarefas, se sentido mais envolvida com a organização e em muitas vezes sacrifica alguns privilégios adquiridos ao longo do tempo, porque compreende o quanto é necessário a troca, a participação e o envolvimento nas ações propostas pela empresa. Dentro das organizações a comunicação coordena todas as etapas, processos, relacionamentos entre clientes, investidores, líderes, empregados etc. Sem a comunicação não é possível dizer que uma empresa exista, tudo o que acontece deve ser comunicado para que haja um maior entrosamento entre os colaboradores da empresa. Dificilmente são encontradas tarefas que não envolvam a comunicação. Segundo Minicucci (1995, p. 55) muitos enganos e distorções são cometidos porque há uma má interpretação, ou seja, há uma falta de compreensão das tarefas solicitadas.

Por meio da comunicação, o superior define as metas organizacionais e comunica ao colaborador o que se espera dele, quais os meios que estão à sua disposição e posteriormente são apresentadas as possíveis falhas.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com