TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Por que o dinheiro tem valor diferente ao longo do tempo?

Por:   •  13/4/2013  •  Relatório de pesquisa  •  1.128 Palavras (5 Páginas)  •  587 Visualizações

Página 1 de 5

Modelo 01

Por que o dinheiro tem valor diferente ao longo do tempo?

Muitas coisas mudam ao longo do tempo, e uma delas é o dinheiro, que é uma forma de moeda usada para comprar bens, serviços entre outros.

A moeda hoje é um resultado de uma longa evolução. No início se praticava a troca de mercadoria por mercadoria, sem levar em conta o valor a ser permutado, era de acordo com a necessidade de cada um. Mas com o passar do tempo viram que a os objetos poderiam ser trocados ou negociados por valores, levando em conta a possibilidade de ganho (lucro). Surge então às primeiras moedas, uma forma de garantia de pagamento pelo consumo.

Existem vários tipos de moedas no mundo como o dólar, euro, peso, libra, real, o iene entre outras.

No Brasil o dinheiro (moeda), passou por diferentes valorizações ao longo do tempo. O primeiro que passou a valer como dinheiro, foi o açúcar (réis), depois veio o cruzeiro, cruzeiro novo, cruzado, cruzado novo, cruzeiro real e o atual real.

Mas por que o dinheiro tem valor diferente ao longo do tempo? O custo do dinheiro no tempo relaciona-se a ideia de que, ao longo do tempo, o valor do dinheiro muda em função da oportunidade de aplicação, analisar o método de investimento, para obter uma remuneração sobre o valor de investido, ou seja, o dinheiro sofre o efeito do tempo.

Ele tem uma ligação com o campo das finanças e por isso sofre alterações, por ter uma tão dependência da economia, a inflação, riscos existentes no mercado e preferencia pela liquidez.

Por tanto o dinheiro que guardamos ou utilizamos como investimento hoje, o valor presente, sempre sofre um reajuste, o valor futuro, podendo ser positivo, aumentar através de juros ou negativo, perder valor em função da desvalorização em um determinado período. O que devemos observar é a situação da economia mundial, que não para e por isso o dinheiro não para no tempo.

Modelo 02

Atividade de Autodesenvolvimento

Aula-tema 03

Segundo literatura e conteúdo fornecido associados a fonte respectiva, as organizações brasileiras privadas assim como as públicas, começaram a se conscientizar da importância da revisão dos seus modelos de gestão. As organizações nacionais já desenvolvem esforços no sentido de recuperar o tempo perdido, é possível avaliar a aplicabilidade dessas novas práticas gerenciais que garantirão a sobrevivência num mercado cada vez mais globalizado e competitivo. A gestão do conhecimento é uma ferramenta importante no processo sistemático de identificação, criação, renovação e aplicação dos conhecimentos, estratégicos na vida de uma organização. Há alguns desafios a vencer na Gestão do Conhecimento, como: influenciar o comportamento do trabalhador, fazer com que as lideranças da organização comprem a ideia e por fim, determinar como classificar o conhecimento. O novo conhecimento sempre começa com o individuo. Um pesquisador brilhante tem uma ideia que leva a uma nova patente. O senso intuitivo de um gerente médio sobre as tendências do mercado torna-se o catalisador para um conceito importante de novo produto. Um trabalhador de chão de fabrica traz consigo anos de experiência para aparecer com uma inovação para um processo novo. Em cada caso, o conhecimento pessoal de um individuo é transformado em conhecimento organizacional, valido para a empresa como um todo. Enfim a criação do conhecimento é algo complexo, pois dependerá muito da visão e a missão de cada empresa, diante de tais fatos, concluímos que muitas empresas brasileiras devem mudar seus conceitos de gestão para gestão participativas, onde as “boas ideias” independente do nível hierárquico, sejam aproveitadas criando um vinculo entre empresa e colaborador na busca pelo sucesso.

Fonte:

http://www.webartigos.com/articles/41957/1/A-CRIACAO-DE-CONHECIMENTO-NA- EMPRESA/pagina1.html#ixzz1JWfYL0dwhttp://www1.serpro.gov.br/publicacoes/gco_site/m_capitulo01.htm

Aluno: Daniel Barbosa

R.A: 1299858678

Faculdade Taboão da Serra – SP

Modelo 3

O Valor Do Dinheiro No Tempo

Publicado em: 18/06/2009 |Comentário: 2 | Acessos: 9,855 |

1

O tempo é sem sombra de dúvidas um fator diretamente proporcional ao valor do dinheiro. Assim, podemos afirmar plenamente que quanto maior o período, maiores serão as influencias dos agentes externos,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7.2 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com