TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Freelancers Abrem Espaços Nas Empresas

Por:   •  27/3/2014  •  1.343 Palavras (6 Páginas)  •  376 Visualizações

Página 1 de 6

Freelancers Abrem Espaços Nas Grandes Empresas

Casos: Freelancers Abrem Espaços Nas Grandes Empresas

Buscar 50 000 Trabalhos e Grátis Artigos

Enviado por: Taty25 05 maio 2013

Tags:

Palavras: 1314 | Páginas: 6

Visualizações: 22

As organizações burocráticas seguem a lógica estatal, que são comandadas pelo estado, que tem a obrigação de zelar pela ordem da sociedade.já os Freelancers,se autoempregam em diferentes empresas ou, ainda, guia seus trabalhos por projetos, captando e atendendo seus clientes de forma independente

Questão 01:

Organizações como a IBM, e outras citadas no texto, apresentam certa flexibilidade no que diz respeito à sua estrutura e organização interna para suportar a possibilidade de contratar profissionais sem vínculos formais. Baseado nesta constatação: Como esse tipo de organização se diferencia das chamadas organizações burocráticas?

Resposta:

As organizações burocráticas seguem a lógica estatal, que são comandadas pelo estado, que tem a obrigação de zelar pela ordem da sociedade. Já empresas como a IBM é transnacional, obedecem apenas à lógica do capitalismo, não tem vínculos com o País que está instalado e tem uma alta mobilidade justamente por esses motivos: Estão em busca de custos baixos e leis pouco rígidas.

Questão 02:

Consideradas como empresas de vanguarda, as empresas de tecnologia como a IBM, seguem uma tendência de maior flexibilidade e maior adaptação às necessidades do mercado. Facebook e Google também são empresas que empregam modelos de gestão “diferentes”, e são tidas como grandes exemplos de sucesso no que se refere a extrair resultados de seus colaboradores. Faça uma pesquisa acerca destas empresas citadas, observem a teoria e os modelos clássicos de gestão e comparem os modelos, deixando claro onde estão as diferenças.

Resposta:

Com a acelerada evolução da tecnologia nos últimos tempos, a economia delineia um novo e poderoso modelo de produção baseado em reais sociais com conteúdo colaborativo e auto-organizadas, abandonando

Vá para a Página

• 1

a hierarquia e o controle. Os novos tempos são influenciados pelas plataformas digitais que abundam com a infestação da internet.

A IBM é uma referência mundial no pioneirismo do uso de redes sociais desde 2001, quando o Board mundial da companhia resolveu liberar e incentivar as redes como forma de compartilhar conhecimento e aprender junto com os consumidores. Atualmente a IBM é uma das evangelizadoras do mercado, praticando transferência nas informações em seus projetos.

FECEBOOK é atualmente, o maior sítio de relacioname nto do mundo, com mais de 500 milhões de usuários em todo o planeta (IBOPE, 2010). Em 2006 o Facebook se tornou aberto a todos os usuários, incluindo estudantes, pessoas e empresas, um dos grandes méritos do Facebook foi o fato de ele ter sido a primeira rede social a abrir a plataforma para que programadores de software criassem uma série de aplicativos para os usuários (Vaz, 2010).

O GOOGLE conta um sistema de círculos de amigos, podendo adicionar qualquer pessoa não precisando aceitar a um convite como nas redes convencionais. Já o Facebook conta com o sistema tradicional de lista de amigos, sendo necessário enviarem convite às pessoas para que elas entre em sua lista. Esse meio exige uma aprovação de quem recebe o convite.

Em ambos é possível escolher grupos específicos de usuários para compartilhar conteúdo.

Questão 03:

A construção dos sentidos de um texto ancora-se em alguns recursos argumentativos. Discorra sobre os recursos utilizados nos itens acima. Observe que nos itens “d” e “e” temos recursos diferenciados dos anteriores. Comente sobre essa diferença.

Resposta

Em fim de ano as estatísticas de emprego registram picos de contratação. De olho nas vendas de Natal, segmentos da indústria e do comércio aumentam seu efetivo. Os executivos, no entanto, se beneficiam dos empregos por tempo determinado, no caso das multinacionais, há pressa para dar inicio à operação e as nacionais, a urgência é aumentar a participação no mercado, os motivos justificam essa busca a falta de gente qualificada e a ausência de tempo para capacitar no curto prazo, são empresas de médio e

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com