TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Filosofia Jurídica Caso Concreto 1 - Respostas

Por:   •  3/4/2014  •  660 Palavras (3 Páginas)  •  291 Visualizações

Página 1 de 3

Filosofia Jurídica

Caso Concreto 1 – Respostas

1 – É uma ciência que busca respostas das coisas e de fenômenos do mundo através da razão. A filosofia foi o ponto de partida para as outras ciências. Essa ciência procura não aceitar todas as explicações como óbvias, mas sempre cria um problema e procura fundamentos para que as respostas cheguem o mais próximo da “verdade”.

2 – A Filosofia tem grande serventia em relação à reflexão acerca de algo que ainda não foi comprovado, ou se já comprovado, procura problematizar assuntos que sempre são recorrentes. Atualmente, pessoas usam a filosofia para questões terapêuticas, como o Instituto Sul Catarinense, que reúne profissionais de diversas áreas que se conheceram em um curso de pós-graduação em Filosofia Clínica que, com uma crença em comum, decidiram criar esse instituto. O objetivo do Instituto é colaborar e fomentar a ideia da filosofia clínica e disseminar o conhecimento através do ensino e tratamento terapêutico.

3 - Qual o atual papel da filosofia?

A palavra filosofia vem do grego "filos" (amor ou amigo) e "sofia" (conhecimento, sabedoria, verdade), e é geralmente traduzida como "amigo da sabedoria" ou "amor ao conhecimento". Ela nasceu na Grécia Antiga no século 6 a.C., como um meio de buscar conhecimentos diferentes daqueles apresentados pela mitologia, num tempo onde a religião explicava desde os fenômenos da natureza até os fatos do cotidiano. "O mundo era interpretado pela mitologia, por isso existiam deuses para tudo. A resposta para as coisas eram sempre 'porque deus quis'. Chegou um momento, no entanto, em que o mito não dava mais conta de explicar tantas novidades", diz o professor Marcelo Bueno, coordenador do curso de Graduação em Filosofia do Centro de Ciências e Humanidades da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Ele explica que a grande procura dos primeiros filósofos era a busca da verdade de modo racional.

Antes do aparecimento da ciência como a temos hoje, a filosofia foi a única forma de conhecimento no mundo durante muitos séculos. Os filósofos tratavam o conhecimento de forma geral e explicavam um pouco sobre tudo. "Aristóteles, por exemplo, era filósofo, médico, biólogo, matemático e astrônomo", cita o professor. Foi a partir de Galileu Galilei, no século 17, que a filosofia começou a se fragmentar. "Galileu percebeu que, especializando-se em uma parte do conhecimento, aproximava-se mais da verdade, e que a ideia de estudar um pouco de tudo fazia com que nos afastássemos dela, porque não se tinha a essência nem a profundidade de nada", conta Marcelo. Assim, o conhecimento passou a ser fragmentado, e as pessoas se tornaram especialistas em partes dele. "No mundo contemporâneo, esse pensamento

...

Baixar como (para membros premium)  txt (4.1 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »