TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Chegada da Família Real ao Brasil

Por:   •  5/5/2015  •  Artigo  •  5.228 Palavras (21 Páginas)  •  284 Visualizações

Página 1 de 21

[pic 1]

UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ – CAMPUS

CURSO DE LICENCIATURA EM HISTÓRIA

PRÁTICA DE PESQUISA EM HISTÓRIA

ARTIGO

TÍTULO: A FAMÍLIA REAL PORTUGUESA NO BRASIL

Aluno (a): KAÍZA VIEIRA.
Matrícula:         Período: 6º

CABO FRIO

2014

KAÍZA VIEIRA

ARTIGO

TÍTULO: A FAMÍLIA REAL PORTUGUESA NO BRASIL

UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ - CAMPUS

CURSO DE LICENCIATURA EM HISTÓRIA

Artigo como pré-requisito parcial para aprovação na disciplina de Prática de Pesquisa em História, ministrada pelo Profª. Ms.

CABO FRIO

2014

SUMÁRIO

Resumo........................................................................................................03

Abstract........................................................................................................04

Introdução ................................................................................................. 05

Breve Histórico.......................................................................................... 06

Relevância Histórica....................................................................................10

O Rio de Janeiro antes da vinda da Família Real Portuguesa.....................12

A Corte no Brasil: Mudanças e Reflexões................................................. 15

Conclusão................................................................................................... 19

Referências Bibliográficas ......................................................................... 20

Resumo

Este artigo tem por objetivo identificar quais foram as ações da Família Real Portuguesa ao realizar seu traslado, e como aconteceu a construção da sede do Império Português no Brasil em seus aspectos urbanísticos e sociais e suas consequências para os brasileiros no século XIX.  

Palavras-chave: Família Real; História do Brasil; Rio de Janeiro; Período Joanino;

Abstract

This article aims to identify what were the actions of the Royal Family to carry out his transfer and as was the construction of the Portuguese Empire headquartered in Brazil in its urban and social aspects and consequences for Brazilian in the nineteenth century.

Keywords: Royal Family; History of Brazil; Rio de Janeiro; Johannine period;

Introdução

Quando a Família Real Portuguesa mudou-se para o Brasil havia então um momento histórico complexo, aconteceram, através dessa mudança, inúmeras vantagens e benefícios para o Brasil e modificou completamente a História dos dois países. É importante identificar quais foram as ações da Família Real Portuguesa ao realizar seu traslado, na construção da sede do Império Português no Brasil e suas consequências, e identificar as ações empreendidas pela Coroa Portuguesa na construção da nova sede do império português, em suas características urbanísticas, e sociais. Observando as possíveis vantagens percebe-se que o traslado da família Real trouxe para o Brasil mudanças urbanísticas e desenvolvimento social, e compreender como essas transformações aconteceram é de suma importância.

Observa-se que a partir da Revolução Francesa, a Europa entrou em uma profusão de acontecimentos e revoluções que alteraram drasticamente o seu cenário político-econômico. Após a morte do rei francês Luis XVI, uma série de convulsões sociais, levou, por fim, ao poder o general do exército francês Napoleão Bonaparte. As revoluções que eclodiram entre 1789 e 1848, constituem as maiores transformações da história humana desde tempos remotos, quando o homem inventou a agricultura e a metalurgia, a escrita, a cidade e o Estado. (HOBSBAWM, 2009).

Napoleão estava decidido a expandir seu império para além dos limites territoriais franceses. Iniciou uma série de campanhas militares, onde alcançou expressivas vitórias, que além de aumentarem o Império, o ajudaram a construir a imagem de gênio maior da estratégia militar. Assim, a França subjugou uma série de estados europeus como a Prússia e anexou outros territórios pertencentes a países como Rússia e império Austro-Húngaro.

Breve Histórico

Na transição dos séculos XVIII e XIX a Espanha já havia rompido a aliança com Portugal, que antes, durante a Campanha do Rossilhão, entre 1793 e 1795, juntamente com a Inglaterra, tentaram impedir o avanço das tropas napoleônicas.  O Príncipe Regente D. João de Portugal enviou uma divisão reforçada, denominada Exército Auxiliar a Coroa de Espanha, composta por 5.400 homens sob o comando do tenente-general britânico John Forbes.

As hostilidades entre França e Inglaterra entre 1802 e 1805 culminaram com a tentativa franco-espanhola de invadir a Inglaterra através do Cabo de Trafalgar, na costa espanhola, consequentemente tomar a Inglaterra pelo Canal da Mancha. Conhecida como Batalha de Trafalgar, a investida franco-espanhola resultou em uma derrota bastante cara a Napoleão, que perdeu o controle do Atlântico e não pôde atacar a Inglaterra.

Apesar destas façanhas militares, a França ainda não gozava totalmente do status de maior potência mundial, posto que ainda cabia à Inglaterra, sua histórica adversária. Porém, as  campanhas  militares  empreendidas  por  Napoleão  para  derrotá-la,  fracassaram militarmente, esbarrando na posição geográfica e na capacidade bélica da esquadra inglesa. Isto  se  tornou  mais  evidente  após  a  batalha  de  Trafalgar,  em  1805,  onde  as  esquadras francesas e espanholas foram destruídas pela britânica, o que provocou  uma mudança na estratégia napoleônica. (HOLANDA, 1970, p. 41).

...

Baixar como (para membros premium)  txt (34.4 Kb)   pdf (207.6 Kb)   docx (32.4 Kb)  
Continuar por mais 20 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com