TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Tráfico Negreiro

Por:   •  4/12/2013  •  483 Palavras (2 Páginas)  •  268 Visualizações

Página 1 de 2

INTRODUÇÃO

É denominado 'tráfico negreiro' o envio arbitrário de negros como escravos para as Américas e para outras colônias de países europeus durante o período caracterizado como colonialista.

No século XV, devido a expansão marítima europeia, os europeus necessitaram de mão de obra na recém conquistada América. Então foi desenvolvido um comércio de negros africanos entre a África e as colônias europeias, sendo uma delas o Brasil. A escravidão teve sua justificativa baseada em crenças religiosas e na hipotética superioridade dos europeus.

DESENVOLVIMENTO

O tráfico negreiro assumiu enormes proporções no século XV. Quando os europeus chegaram a África, encontraram um mercado africano de escravos largamente implementado e bastante extenso, sendo a maioria deles prisioneiros de guerra. Os europeus instalaram portos de abastecimento de escravos no litoral africano, onde eram embarcados os escravos que vinham para as colônias na América nos navios chamados tumbeiros.

Ainda quando estavam na África, estima-se que a taxa de mortalidade dos africanos no percurso que faziam desde o local em que eram capturados pelos mercadores de escravos locais, até ao litoral onde eram vendidos aos europeus, era superior à que ocorria durante a travessia do Atlântico.

Os escravos embarcados nos navios negreiros eram muito mal alimentados e tratados com violência. Eram amontoados dentro dos navios em ambientes mórbidos, propícios à proliferação de doenças e geralmente, sem nenhum motivo aparente, eram maltratados e castigados. Durante a travessia, a taxa de mortalidade embora menor do que em terra se manteve assustadora, com maior ou menor incidência dependendo das epidemias, das rebeliões e suicídios levados a cabo pelos escravizados, das condições existentes a bordo. A viagem da África para o Brasil pelo oceano Atlântico durava de 30 a 45 dias.

Na chegada à América, os tumbeiros eram conduzidos a diferentes portos e localidades, onde eram na maioria das vezes destinados os mercados, comercializados como mercadorias e separados de suas famílias, rendendo altos lucros para os traficantes de escravos.

CONCLUSÃO

A partir de novas pesquisas realizadas por historiadores, não foram somente os europeus que organizaram o tráfico negreiro. Segundo o historiador Manolo Florentino, no Brasil, nos séculos XVIII e XIX, várias pessoas se especializaram e investiram na compra de escravos na África. Muitos traficantes de escravos eram cariocas e mantinham as embarcações que traziam os escravos para o Novo Mundo. Quase sempre, os traficantes

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.5 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com