TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A IMPORTÂNCIA DA PSICOLOGIA AO DIREITO

Por:   •  11/4/2014  •  Tese  •  414 Palavras (2 Páginas)  •  272 Visualizações

Página 1 de 2

ROSELI COSTA

A IMPORTÂNCIA DA PSICOLOGIA PARA O DIREITO.

Rio Branco – AC

2014

ROSELI COSTA

A IMPORTÂNCIA DA PSICOLOGIA PARA O DIREITO.

Trabalho sobre a Importância da Psicologia para o Direito, apresentado à Professora Viviane Paza, como exigência para obtenção da nota parcial no Curso de Direito da UNINORTE.

A psicologia é a ciência que estuda os processos mentais e o comportamento humano e suas interações com o ambiente físico e social. O Direito, por sua vez, é o conjunto de normas jurídicas vigentes em um país. Em sentido mais amplo, é aquilo que é justo, reto e conforme a lei.

Partindo dessa premissa, a entrada da psicologia no mundo jurídico se deu buscando encontrar o seu próprio caminho, já que a psicologia tem um compromisso com o sujeito.

O fato é que o sujeito de direito do âmbito jurídico é o mesmo sujeito de do campo psicológico e eles não estão dissociados e são parte integrante de um mesmo todo, que é o ser humano. Por este motivo, tal sujeito deve ser visto em sua integridade, portando sua objetividade, relevante para o Direito e, sua subjetividade, objeto da Psicologia.

É importante frisar que o mundo jurídico está em constante evolução e que muitas dessas mudanças se deram em virtude do crescimento intelectual e desenvolvimento cultural do homem, com o surgimento da psicologia o homem passou a identificar suas necessidades e compreender de forma mais ampla seu convívio social, estabelecendo assim modelos de comportamento bem como regras que perduram ainda nos dias de hoje.

A Direito apesar de positivado é estabelecido e aplicado através da hermenêutica, e todo o seu entendimento e validação necessita de um processo tanto material como intelectual, nesse sentido a psicologia no âmbito jurídico trouxe a sensibilidade necessária e fundamental para o entendimento e validação de todo Direito material.

Portanto o conhecimento e entendimento do homem e seu interior aproximou o Direito de toda a sociedade, a subjetividade utilizada na psicologia passou a ser aplicada e identificada como um fundamento dentro de todo o ordenamento jurídico, auxiliando na identificação comportamental do homem e suas ações. A mente humana é um campo de desconhecimento e incertezas, mais é ela quem

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.6 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com