TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Janela De Johari

Por:   •  28/6/2014  •  898 Palavras (4 Páginas)  •  225 Visualizações

Página 1 de 4

TÉCNICAS DA JANELA JOHARI

Para facilitar o entendimento das regras básicas da comunicação interpessoal, Joseph Luft e Harry Inghan idealizaram, em 1961, um diagrama conhecido pelo nome de Janela de Johari, onde através de apenas quatro retângulos, dispostos de forma de janela, podemos conceituar todo o processo de percepção de um indivíduo em relação a si mesmo e aos outros. Os autores partiram do princípio de que cada um de nós tem (ou pode ter) quatro imagens distintas: A Janela de Johari ilustra o processo de dar e receber FEEDBACK, isto é, “Ver-nos a nós mesmos como os outros nos vêem”. Dar e receber informações sobre si e sobre os outros.

A Janela de Johari nos auxilia a:

• Familiarizar os membros com convivências que facilitam a comunicação interpessoal;

• Criar impactos nos participantes do grupo, conscientizando e sensibilizando-os para comportamentos e atitudes que dificultam o relacionamento;

• Formar uma idéia clara de muitos de nossos comportamentos;

• Encontrar solução para enfrentarmos nossas dificuldades nas relações interpessoais;

• Expandir na participação social da comunidade.

As informações contidas nas barras e colunas não são estáticas. Se o processo de DAR e RECEBER FEEDBACK for desencadeado, haverá alterações na Janela.

ARENA OU ÁREA LIVRE (Aberta): espaço superior esquerdo – primeiro quadrante:

• São as experiências e dados conhecidos pela própria pessoa e por aqueles que a rodeiam;

• É a troca aberta e livre de informações/ comportamento público;

• Nosso modo de trabalhar, nosso comportamento diante das situações.

MANCHA CEGA: espaço superior direito – segundo quadrante:

• São as informações do nosso EU que desconhecemos, mas que são conhecidas pelos outros? “o que sabem de nós e que não nos comunicam”;

• São maneiras de agir, jeitos de falar e estilo de relacionamentos de são conhecidas pelos outros e não conhecidas pelo “EU”.

FACHADA OU ÁREA OCULTA (Secreta): espaço inferior esquerdo – terceiro quadrante:

• São as informações que sabemos a nosso respeito, mas que são desconhecidas pelo grupo. Informações ocultadas por nós mesmos;

• Medo de revelar nossos sentimentos, percepções e opiniões a respeito do grupo e integrantes, na possibilidade de sermos rejeitados, atacados;

• Resulta, muitas vezes, da ausência de confiança no grupo.

DESCONHECIDO: espaço inferior direito – quarto quadrante:

São as nossas motivações inconscientes. Nosso desconhecido ou inexplorado.

Referem-se a ocorrências da primeira infância, potencialidades latentes, recursos por descobrir e dinâmica interpessoal.

A ARENA aumenta de tamanho à medida que aumenta a confiança no grupo.

PRINCÍPIOS DE MUDANÇA

a) Uma mudança em qualquer quadrante afetará os demais quadrantes;

b) Gasta-se energia ao esconder, negar ou ocultar uma conduta que se encontra envolvida numa ação recíproca;

c) A ameaça tende a reduzir o conhecimento e a confiança mútua tende a aumentá-lo;

d) Forçar um indivíduo a tornar-se consciente de certas coisas não é desejável e geralmente não é efetivo;

e) Uma aprendizagem interpessoal levará à ampliação de área livre e à redução das outras;

f) A ampliação desta área facilitará o trabalho com os demais. Isto significa que muitos recursos e habilidades dos membros podem ser utilizados para o bem do grupo;

g) Quanto menor o quadrante da área livre, mais pobre a comunicação;

h) Existe uma curiosidade sobre o quadrante “desconhecido”, mas esta é restringida por costumes, formação social, temores diversos, dentre outros.

PRINCÍPIOS PARA APRIMORAR AS HABILIDADES ESSENCIAIS PARA SABER OUVIR

1.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (6.2 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com