TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Reatividade De Alguns Metais

Por:   •  17/5/2014  •  1.116 Palavras (5 Páginas)  •  447 Visualizações

Página 1 de 5

Experimento N0 4

REATIVIDADE DE ALGUNS METAIS

1) Objetivo

Prever a ocorrência de algumas reações, podemos utilizar as filas de reatividade ou a tabela de potenciais eletroquímicos. Onde os metais e ametais estão em ordem decrescente de reatividade, isto é, os elementos mais reativos aparecem primeiro.

2) Fundamento Teórico

Reatividade

Em Química, reatividade consiste na tendência que uma reação química tem em acontecer. É um conceito qualitativo, mas pode ser quantificadas pela atribuição de uma série de energias, definidas para condições particulares, tais como sob pressão constante, ou sob volume constante sendo um dos capítulos mais importantes da termodinâmica química. A reatividade consiste na tendência que um átomo possui para captar ou perder elétrons. Existem na Natureza alguns elementos fisicamente instáveis, cujos átomos, ao desintegrarem-se, emitem energia sob forma de radiação. Dá-se o nome de radioatividade a essa propriedade que alguns átomos têm de emitir radiação. O urânio-235, o césio-137, o cobalto-60, o tório-232 são exemplos de elementos fisicamente instáveis ou radioativos. Eles estão em constante e lenta desintegração, liberando energia através de ondas eletromagnéticas (raios gamas) ou partículas subatômicas com altas velocidades (partículas alfa, beta e nêutrons). Esses elementos, portanto, emitem radiações constantemente.

A radioatividade foi descoberta pelos cientistas no final do século XIX. Até aquela época predominava a ideia de que os átomos eram as menores partículas de qualquer matéria e semelhantes a esferas sólidas e maciças. A descoberta da radiação revelou a existência de partículas menores que o átomo: os prótons e os nêutrons, que compõem o núcleo do átomo, e os elétrons, que giram em torno do núcleo. Essas partículas, chamadas subatômicas, movimentam-se com alta velocidade. Descobriu-se também que os átomos não são todos iguais; o átomo de hidrogênio, por exemplo, o mais simples de todos, possui 1 próton e 1 elétron (e nenhum nêutron). Já o átomo de urânio-235 conta com 92 prótons e 143 nêutrons.

Reatividade dos Metais

O Elemento mais reativo "desloca" o elemento menos reativo.

ouro < platina < prata < mercúrio < cobre < hidrogênio < chumbo < estanho < níquel < cobalto < ferro < cromo < zinco< manganês < alumínio < magnésio < sódio < cálcio < potássio

Ex: potássio (último da sequência) é mais reativo que o ouro (primeiro da sequência), então, potássio desloca o ouro em uma reação química, substituindo-o.

Reatividade dos Não-metais

Assim como nos metais o ametal mais reativo desloca um menos reativo em uma reação química.

Flúor < Oxigênio <Cloro < Bromo < Iodo < Enxofre < Carbono

Em símbolos químicos a fileira segue: F < O < Cl < Br < I < S < C

3) Materiais e Reagentes

Reagentes Materiais

Alumínio, Cobre, Ferro Tubos de ensaio

Zinco, Sódio, Enxofre Estante para tubos de ensaio

Iodo, Magnésio Espátula

Cloreto de Estanho II Pipeta Graduada

Nitrato de Prata Pinça de madeira

Iodeto de Sódio Pêra de três vias

Cloreto de Bário

Sulfato de Cobre

4) Procedimento Experimental e Resultados

Tubo de ensaio 1: Colocou-se pequena quantidade de alumínio em pó e sobre este 5,0 mL de solução de cloreto de estanho(II). Agitou-se. Observou-se.

Não reagiu.

Tubo de ensaio 2: Colocou-se pequena quantidade de cobre metálico e sobre este 5,0 mL de cloreto de estanho(II). Agitou-se e observou-se.

Não reagiu.

Tubo de ensaio 3: Colocou-se pequena quantidade de ferro metálico e sobre este 5,0 mL de solução de cloreto de bário. Agitou-se e observou-se.

Não

...

Baixar como (para membros premium)  txt (6.9 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com