TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Microbiologia Fundamental e Microbiologia e Imunologia Básica

Por:   •  30/6/2020  •  Trabalho acadêmico  •  1.636 Palavras (7 Páginas)  •  11 Visualizações

Página 1 de 7

Universidade de São Paulo

Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos

Disciplinas: Microbiologia Fundamental e Microbiologia e Imunologia Básica

Professora Dra. Valéria Maria Lara Carregaro

Estudo Dirigido II

Nome do aluno: Laura Cristina Burlandy Soares               Turma: engenharia de alimentos diurno

  1. Observe a figura abaixo, identifique as estruturas celulares enumeradas e cite suas principais funções.

[pic 1]

  1. Fímbrias: são estruturas curtas e delicadas, que podem se dispor nos polos da célula ou por vezes estão distribuídas por todo o exterior da célula. A quantidade de fímbrias que a bactéria possui varia de acordo com o gênero. Sua função básica é a aderência a superfícies mucosas, para possibilitar a bactéria de colonizar o hospedeiro e se reproduzir.
  1. Cápsula: é um tipo de glicocálice, já que é composto de açúcares e envolve toda a célula. É uma camada condensada, bem definida e organizada. É fortemente aderida à parede celular, contribui para a capacidade de invasão das células bacterianas patogênicas, pois impede o englobamento por parte dos macrófagos do hospedeiro (fagocitose).
  1. Camada externa: apenas as bactérias Gram-negativas apresentam essa camada. É composta por uma dupla camada de fosfolipídios e possui proteínas, como a porina, que facilitam a passagem de substâncias de fora para dentro da célula bacteriana. Além disso, em sua parte mais externa, dispõe de uma camada de lipopolissacarídeo (LPS), uma endotoxina que é um importante fator de virulência, ativando a resposta imunológica do organismo hospedeiro da bactéria. A camada externa atua como barreira molecular que dificulta o acesso de certas enzimas e antibióticos às camadas mais interiores da bactéria.
  1. Camada de peptidioglicano: é uma rede de macromoléculas formada por açúcares e peptídeos. A porção de açúcares apresenta-se como um dissacarídeo repetitivo, fios de 10 a 65 açúcares na forma de esqueleto. Esses fios são compostos por dois monossacarídeos alternados: N-acetil glicosamina (NAG) e N-acetil murâmico (NAM). Já a porção peptídica é composta por filas adjacentes perpendiculares aos fios de açúcares ligadas por polipeptídios. São dispostas em cadeias laterais de tetrapeptídios, 4 aminoácidos, e estão ligados ao NAM, por ponte cruzada de peptídeo. As bactérias Gram-positivas têm camada de peptidioglicano espessa, enquanto as Gram-negativas apresentam uma camada fina. Essa camada é responsável pela forma das células e garante proteção do citoplasma da pressão osmótica entre os ambientes externo e interno, além de conferir rigidez à célula bacteriana.
  1. Membrana plasmática: é uma estrutura fina que separa a parede celular do citoplasma. É constituída em maior concentração de fosfolipídios e em menor concentração de proteínas. É uma estrutura importante para a permeabilidade seletiva, permitindo a entrada de certos aminoácidos e íons úteis à célula bacteriana e funciona como uma barreira osmótica da célula. É também sede de importantes enzimas atuantes na parede celular, no transporte de elétrons e na fosforilação oxidativa.
  1. DNA em nucleoide: é uma estrutura citoplasmática constituída por uma única molécula longa e contínua de DNA dupla-fita e circular, chamada de cromossomo bacteriano. O nucleoide não é delimitado por membrana nuclear, e é fixado à membrana plasmática. O cromossomo bacteriano contém todas as informações necessárias à sobrevivência da célula e é capaz de auto-duplicação. Além da fita única de DNA, no nucleoide também estão os plasmídeos, que são pequenas moléculas de DNA de dupla-fita circulares. São elementos extra cromossômicos cuja replicação independe do DNA cromossômico. As informações contidas nos plasmídeos não são essenciais à sobrevivência da bactéria.
  1. Flagelo: é um filamento helicoidal de natureza proteica, composto por flagelina. Sua função primária é permitir que a bactéria se locomova em meio líquido e tenha motilidade. O movimento do flagelo pode se dar em direção à luz, em direção a compostos químicos atraentes, em uma determinada direção, ou de forma aleatória.
  1. Correlacione as colunas abaixo e justifique suas respostas:

Coluna 1-

  1. Cocos
  2. Bacilo
  3. Vibrião
  4. Estafilococos
  5. Endósporo
  6. Fissão binária
  7. Gram-positiva
  8. Peptidioglicano
  9. LPS
  10. Diplococos

Coluna 2-

(k) Não ando sozinho, só em dupla. Justifique.

  • São diplococos, pois sempre se apresentam em duas bactérias em formato de cocos unidas.

(h) Ao microscópio óptico sou azul arroxeada. Justifique.

  • É uma bactéria Gram-positiva, pois ao ser submetida ao teste de Gram e entrar em contato com o cristal de Violeta, absorve a coloração azul arroxeada devido a sua camada espessa de peptidioglicano.

(b) Tenho forma redonda ou esférica, mas as vezes, eu posso ser ovalada. Justifique.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (13 Kb)   pdf (273.5 Kb)   docx (245.2 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com