TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

EFEITOS DOS PSICOTRÓPICOS SOBRE A ATIVIDADE MOTORA

Por:   •  1/10/2013  •  1.201 Palavras (5 Páginas)  •  1.139 Visualizações

Página 1 de 5

FACULDADE SANTO AGOSTINHO-FSA

COORDENAÇÃO DO CURSO DE FARMÁCIA

DISCIPLINA: FARMACOLOGIA

PROFESSOR: MANOEL PINHEIRO

EFEITOS DOS PSICOTRÓPICOS SOBRE A ATIVIDADE MOTORA

AC.: DANIELE VIEIRA FORTES

TERESINA, PI, MAIO DE 2013

INTRODUÇÃO

A morfina, o protótipo dos agonistas opióides, é conhecimento há muito tempo pela sua capacidade de aliviar dor intensa com notável eficácia. Os opióides incluem agonistas integrais, agonistas parciais e antagonistas. A estrutura química da morfina, um opióide natural; da codeína, um opióide semi-sintético do fentanil, um composto sintético farmacologicamente semelhante, e da naloxona, um antagonista não-seletivo dos opióides. ( KATZUNG, BERTRAM G)

Os opióides interagem de forma estéreo-especifica com receptores protéicos na membrana de certas células do SNC, de terminais nervosos na periferia e de células do TGI e de outras regiões. As propriedades analgésicas dos opióides são mediadas principalmente pelos receptores µ; no entanto os receptores ĸ do corpo dorsal também contribuem. As encefalinas interagem mais seletivamente com os receptores δ da periferia. Os três receptores opióides são membros da família de receptores acoplados a proteína G e inibem a Adenil-ciclase. Eles também estão associados a canais iônicos, aumentando o efluxo pós-sináptico de K+ (hiperpolarização) ou reduzindo o influxo pré-sináptico de Ca²+, impedindo, assim, o disparo neuronal e a liberação do transmissor. (HOWLAND & MYCEK)

A morfina é o principal fármaco analgésico presente no ópio bruto, sendo o protótico do agonista potente. A codeína também está presente, em menores concentrações, e é inerentemente menos potente. Esses fármacos apresentam uma alta afinidade pelos receptores µ e afinidade variáveis pelos receptores δ e ĸ. (HOWLAND & MYCEK)

Os fármacos neurolépticos são usados primeiramente para tratar esquizofrenia, mas também são eficazes em outros estados psicóticos, como estado de mania e delírio. Todos os fármacos antipsicóticos disponíveis que aliviam os sintomas da esquizofrenia diminuem a neurotrasmissão dopaminérgicas e/ou serotoninérgica. Os neurolépticos tradicionais ou “típicos” são inibidores competitivo em vários receptores, mas seus efeitos antipsicóticos refletem o bloqueio competitivo dos receptores de dopamina”. Esses fármacos variam em potência. O tratamento antipsicóticos atual emprega fármacos neurolépticos atípicos para minimizar o riscos de distúrbios do movimento debilitantes associados aos farmacos típicos que atuam primeiramente pelo receptor D2 de dopamina. (HOWLAND & MYCEK)

O experimento realizado no laboratório teve como finalidade estudar presente experimento e verificar os efeitos psicotrópicos das substâncias morfina e haloperidol, através da avaliação da atividade motora espontânea utilizando o campo aberto (Open Field), tendo como controle, a utilização de solução fisiológica, para a comparação dos resultados, a toxicidade do anestésico administrado em Mu musculus por via intraperitoneal como também estabelecer a correlação dose-efeito nessa espécie.

MATERIAL E MÉTODOS

Utilizou-se 3 exemplares de Mus musculus devidamente pesados e marcados, e administrou-se em cada, respectivamente, Morfina 1 mg\ml, Haloperidol 0,5 mg\mle, para controle, Soro fisiológico (NaCl 0,9%) , todos por via intraperitoneal. Logo em seguida acomodou-se o animal no centro de um campo aberto (Open Field), uma área de dimensões de 45 x 45 x 25 cm, subdividida em nove quadrados menores, verificando-se quantos quadrados cada indivíduo invadiria no tempo de 5 minutos. Observou-se o aspecto das cobaias e contou-se como invasão, quando ocorre a posição das quatro patas no quadrado. A verificação em campo aberto fora repetida mais quatro vezes, com intervalo de 10 minutos entre cada uma. Os resultados foram tabulados em tabela e em gráfico, relacionando o número de invasões em função dos respectivos intervalos de tempo.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (8.6 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com