TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Trabalho Acadêmico Questões da ONC

Por:   •  13/9/2020  •  Trabalho acadêmico  •  1.293 Palavras (6 Páginas)  •  2 Visualizações

Página 1 de 6

                                  Questões da ONC

B2. Do mesmo jeito que a Terra possui um satélite natural (a Lua) e Júpiter possui mais de 60, os asteroides também podem ter satélites naturais. Em 1993 foi descoberto o primeiro asteroide que possuía sua própria lua. Esta lua, de pouco mais de 1 quilômetro de diâmetro, ganhou o nome de Dactyl, e ela é o satélite natural do asteroide 243 Ida, que habita o Cinturão Principal de Asteroides, entre as órbitas de Marte e Júpiter. A imagem a seguir, obtida pela sonda Galileo, da NASA, mostra o asteroide 243 Ida com sua pequena lua Dactyl, à direita dele.

[pic 1]

Imagem: NASA

Se por algum motivo a distância entre o asteroide 243 Ida e sua lua Dactyl dobrar, a força gravitacional exercida mutuamente será:

  1. também dobrará.
  2. metade da força inicial.
  3. um quarto da força inicial.
  4. quatro vezes maior.

B3. O dinamarquês Tycho Brahe (1546-1601), pode ser considerado o último grande astrônomo observacional, de uma época em que não se utilizava telescópios na astronomia. Tycho fez extensivas observações das posições de planetas e estrelas, com grande precisão, usando instrumentos fabricados por ele mesmo. Em 1600 (um ano antes de sua morte), Tycho contratou para ajudá-lo na análise dos dados sobre os planetas, um jovem e hábil matemático alemão chamado Johannes Kepler (1571-1630). Foi graças à excelente qualidade das observações de Tycho, colhidas durante 20 anos, que Kepler conseguiu deduzir suas famosas leis do movimento planetário.

O cálculo de quanto tempo leva um planeta para orbitar o Sol está relacionado com qual das Lei de Kepler?

  1. a primeira lei, do formato das órbitas.
  2. a segunda lei, das velocidades orbitais.
  3. a terceira lei, das distâncias planetárias.
  4. a quarta lei, da tendência inercial.

B8. Na história da ciência, o período entre o final do século XIX e o início do século XX ficou marcado pelo importante nascimento da Física Quântica, principalmente devido aos trabalhos de Planck no estudo da radiação do corpo negro (1900), e um pouco mais tarde pelas explicações dadas por Einstein relacionadas ao efeito fotoelétrico (1905). Por sua vez, a aplicação da Quântica dada por Niels Bohr, um físico dinamarquês, ao modelo para o átomo de hidrogênio (1913) resultou numa revolução de pensamento. Este modelo teve espetacular sucesso na interpretação do espectro atômico do hidrogênio concordando grandemente com equações empíricas já existentes que, entre outras aplicações, estimavam os comprimentos de onda das raias do espectro. Uma destas equações é a conhecida equação de Rydberg:

[pic 2]

Onde λ é o comprimento de onda da raia espectral, RH é a constante de Rydberg para o hidrogênio (RH = 1,1×107 m-1), nf e ni, são os níveis final e inicial envolvidos na transição. Outra grande contribuição da Física Quântica, no que diz respeito ao entendimento dos átomos, foi a sua capacidade de melhorar as interpretações a respeito de periodicidades químicas e das descrições das estruturas eletrônicas dos elementos. Na descrição citada, os elétrons em um átomo são especificados como um conjunto de quatro números quânticos (principal, secundário ou azimutal, magnético e de spin) que descrevem os seus estados energéticos.

Considere um elétron num átomo de hidrogênio num determinado estado energético cujo número quântico principal seja n = 4 e com base no texto, assinale a opção que mostra aproximadamente o comprimento de onda do fóton associado à transição deste elétron para o nível cujo número quântico principal seja n = 2 (Observação: transições para o nível n = 2 originam a série espectral denominada série deBalmer, em homenagem ao cientista Johann Balmer que estudou tal série).

Dado: 1 nm = 10-9 m.

  1. 740 nm
  2. 550 nm
  3. 206 nm
  4. 485 nm

B9. Recentemente, seis pessoas de uma mesma família brasileira foram encontradas mortas em um apartamento em Santiago, no Chile. Suspeita-se que o triste fato ocorreu devido à inalação de monóxido de carbono (CO) que vazou do aquecedor de água, que estava ligado à rede de gás. O monóxido de carbono é um gás incolor e inodoro e a sua toxicidade para os seres humanos é um exemplo de uma reação ácidobase de Lewis. Normalmente, o oxigênio forma uma ligação com os íons de Fe(II) da hemoglobina num equilíbrio químico reversível como parte do processo respiratório. O CO é um ácido de Lewis mais forte do que o O2 e assim forma uma forte ligação (num processo quase irreversível) com os íons de Fe(II) da hemoglobina. Isto impede a troca normal de O2 na respiração humana, provocando a morte por asfixia. Adicionalmente, as funções da mioglobina e da enzima citocromo c oxidase nas mitocôndrias são afetadas. Neste contexto, uma concentração de CO de apenas 0,16% em volume no ar é suficiente para dar náuseas em 20 minutos e levar à morte em menos de 2 horas. Com relação ao texto e à química do CO, assinale a opção INCORRETA:

...

Baixar como (para membros premium)  txt (8 Kb)   pdf (142.8 Kb)   docx (73.4 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com