TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

As cinco forças de Porter

Artigo: As cinco forças de Porter. Pesquise 785.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  16/5/2013  •  Artigo  •  961 Palavras (4 Páginas)  •  333 Visualizações

Página 1 de 4

As cinco forças de Porter

O mundo dos negócios requer criação de estratégias para a sobrevivência das empresas, cujos gestores estão cada vez mais preocupados em desenvolverem plano de ação e estratégias de competitividade reagindo a diversas mudanças de metodologias de seus concorrentes que por vez, também não estão dispostos a perder seus clientes para o mercado competitivo que possui em sua essência vários pensadores estratégicos que sempre estão buscando a inovação e o pioneirismo frente aos diversos consumidores.

Estratégia pode ser definida por Montgomery e Porter (1998, p.3) como “a busca deliberada de um plano de ação para desenvolver e ajustar a vantagem competitiva de uma empresa”.

Por sua vez, Mintzberg (apud TAVARES, 2009, p.17) pondera que

estratégia requer uma série de definições e que é “uma dessas palavras que inevitavelmente definimos de uma forma, mas freqüentemente usamos de outra. Estratégia é um padrão, isto é, consistência em comportamento ao longo do tempo.

Em se considerando os princípios militares adaptados para os jogos de guerra no mundo corporativo, estratégia pode ser entendida como

a utilização do reencontro para atingir a finalidade da guerra. (...) estabelece o plano de guerra e determina em função do objetivo em questão uma série de ações que a ele conduzem; elabora, portanto os planos das diferentes campanhas e organiza os diferentes reencontros destas ações (CLAUSEWITZ, 1996, p.171).

Pode-se observar que estratégia é a base de uma formulação de um plano de ação de uma empresa. São junções de melhorias e criação de métodos para o bom desempenho de uma organização que perdure a longo prazo. É a reorganização de ações voltadas para o mercado com o objetivo de gerar vantagem competitiva frente aos demais concorrentes.

Frente a isso, um conceito muito importante foi desenvolvido por Porter, que mesmo com as freqüentes mudanças que tanto o mercado, como as empresas e o poder de compra dos consumidores foram se alterando com o tempo.

O modelo das Cinco Forças de Poter sempre foi e ainda é utilizado para que as empresas descubram todos os fatores influenciadores de sua gestão.

O objetivo das cinco forças é gerar para a empresa retornos de rendimentos, podendo variar de acordo com cada empresa e cada ramo. Há algumas indústrias onde um fator determina a forma de como ela trabalhará ou poderá estar ativamente fortalecida com os cinco potenciais. Nesse sentido,

as cinco forças determinam a rentabilidade da indústria porque influenciam os preços, os custos e o investimento necessário das empresas em uma indústria – os elementos de retorno sobre o investimento (PORTER, 1998, p.04).

Porter aplica esses conceitos baseados nas forças preço e lucro, pelas quais a indústria se desenvolve de acordo com suas forças internas e o ambiente de forças fracas do ambiente gerando oportunidade para aumentar os lucros.

Para um melhor entendimento da funcionabilidade, torna-se necessário um esclarecimento sobre o significado de cada um dos cinco fatores, segundo definição de Montgomery e Porter (1998), além das principais características, resumidas na tabela a seguir:

Forças Significado Elementos Importantes

Novos Entrantes Novas empresas inseridas no ramo que anteriormente pertenciam a outro ramo de atividade. Economia de escala;

Diferenças de produtos patenteados;

Identidade da marca;

Custos de mudança.

Compradores/

Clientes A relação entra compradores e clientes em relação ao custo-benefício. Volume do comprador;

Informação do comprador;

Preço;

Diferença dos produtos;

Identidade da marca.

Substitutos Novos produtos que surgem substituindo os existentes, gerando aos clientes novas opções e mais concorrência Desempenho do preço relativo dos substitutos;

Custo de mudança;

Propensão do comprador a substituir.

Fornecedores Aumento de seus produtos que servem de insumos as indústrias, essa última vê seus lucros ser ameaçados. Diferenciação do insumo;

Concentração de fornecedores;

Impacto dos produtos sobre insumos ou diferenciação;

Custo relativo a compras totais na

...

Baixar como (para membros premium)  txt (6.4 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com