TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Economia Crise no Mercado

Por:   •  29/4/2016  •  Trabalho acadêmico  •  535 Palavras (3 Páginas)  •  136 Visualizações

Página 1 de 3

CRISE, MERCADO

 Na década de 20 , logo após a segunda guerra mundial , a Europa principalmente estão totalmente desestruturados tanto na indústria quanto na agricultura , e com este cenário o que tinham a fazer para se reestruturarem era importar pois o pais estava destruído . E dai onde fica ótimo principalmente para os Estados Unidos  com toda sua tecnologia da época e claro , e suas produções tanto agrícolas , mão-de-obra estavam prontos a crescerem suas produções .

 Com um cliente pronto a se reestruturar sua pátria, ficou muito propicio o grande crescimento de exportação dos Estados Unidos, para Europa, dai se produzia muito pois havia um grande consumidor ,mas com o decorrer do tempo os europeus retomaram sua produção interna , e já não havia necessidade de importa mais  com isso o Estados Unidos enfrentam uma enorme crise interna,  pois seus produtos já precisavam ser estocados pois não havia mas procura com isso acarretou mais um custo para o produtor . Ate chegar em um ponto da demanda ser maior que a procura, e desvalorizar a produção chegando em um ponto que o valor de venda não cobria o gasto desta produção .Dai o pais mergulha em uma das suas maiores crises, acarretando inúmeros desempregos , menos dinheiro para comprar, dai o pais para .

 E como uma potencia mundial os Estados Unidos em crise espalhava para também outros países como o Brasil, que no caso exportava café para o EUA teve um corte, pois o pais já exportava bem menos .

 Dai uma retaliação para este cenário de crise, o inglês John Keynes junto com o EUA criam varias obras-publicas assim empregando varias pessoas, criam também horário de trabalhos e salário-mínimo.

                                        CRISE HIPOTECARIA

  Em 2008, com facilidade de credito, muitas pessoas decidiram investir em imóveis, pois o interesse de comprando hoje, para em breve com a venda obter lucro, mas como lucro só combina com o oferta baixa  e procura alta, quando estavam com credito facilitado ficava fácil investir . Pois depois de algum tempo as pessoas ate hipotecavam suas casas , para ate mesmo construir mas casas visando lucros futuros mas o volume cresceu tanto que a oferta estava maior que a procura dai vem a desvalorização e junto a inadiplencia para com os bancos hipotecarios .E o banco sem dinheiro não tem como trabalhar , chegando ate o caso de falencia ,e com falencia as pessoas e ate mesmo empresas que ali tinham seu dinheiro guardado corriam o risco de seus dinheiros sumir ,com a falencia destas entidades .E com menos dinheiro circulando menas gente consumindo menos consumo , menas produção , menas mão-de-obra ou seja uma nova crise pois juros mais altos pelo fato dos inadimplentes menos interesse de se fazer  imprestimos para investir , com isso o alto desemprego continuava . Mas bancos maiores compravam ,estes que estavam prestes a quebrarem e podiam ofertar , credito com um juro menos .

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.9 Kb)   pdf (53.1 Kb)   docx (9.2 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com