TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

EVOLUÇÃO NO SEGMENTO DE SERVIÇOS NA ECONOMIA BRASILEIRA

Por:   •  16/4/2013  •  Projeto de pesquisa  •  4.775 Palavras (20 Páginas)  •  350 Visualizações

Página 1 de 20

ATPS Etapas I e II – ADMINISTRAÇÃO DE SERVIÇOS

Disciplina da 6ª e7 ª Série do curso de Administração

NOME DOS ALUNOS

Bauru

Maio / 2012

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO 3

1 EVOLUÇÃO NO SEGMENTO DE SERVIÇOS NA ECONOMIA BRASILEIRA 4

2 EVOLUÇÃO NA ÁREA DE SERVIÇOS EM BAURU 7

3 CONCLUSÃO ETAPA 1 8

4 CARACTERÍSTICAS E ELEMENTOS DOS SERVIÇOS 9

4.1 Descrever o tipo de serviço da organização e o target atendido 9

4.2 Definir quais necessidades o serviço visa atender e quando foi inicialmente projetado 11

4.3 Identificar se essas necessidades evoluíram, como o serviço seguiu tal evolução e como é feita a comunicação com clientes 11

4.4 Descrever as vantagens competitivas e os pontos críticos da organização na administração de serviços 13

4.5 Pesquisa de Satisfação do cliente e suas variáveis 17

REFERÊNCIAS 18

INTRODUÇÃO

O setor de serviços é o que mais cresce na economia brasileira e continuar.

Tem hoje uma importante representação para a economia do país. Seu crescimento é visto como uma promessa para o desenvolvimento do Brasil.

A cada ano a área de serviços vem ampliando a sua participação na economia brasileira tirando o espaço da agropecuária e industrias.

O objetivo de estudo do trabalho se concentra no grau de contribuição e influência que o setor de serviços apresenta como atividade econômica responsável por grande parte da geração de produto ao longo das últimas décadas tanto no país como nas pequenas e grandes cidades do Brasil, sendo um setor de destaque por ser gerador de riquezas e empregos no país que continuará crescendo com mais vigor.

ETAPA 1

1. EVOLUÇÃO NO SEGMENTO DE SERVIÇOS NA ECONOMIA BRASILEIRA

O setor de serviços tem hoje uma importante representação para a economia brasileira. Seu crescimento é visto como uma promessa para o desenvolvimento do país. O setor em 2008 representava cerca de 60% do PIB nacional e é o maior gerador de empregos formais do país segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado no segundo semestre de 2008.

Outro fator que corrobora para sua posição é que as atividades exercem papel importante no desempenho de outros setores da economia, principalmente o industrial. Este papel pode ser sumarizado como diferencial competitivo, como suporte as atividades de manufatura, e como geradores de lucro.

De acordo com as estatísticas do mercado, o setor continua em expansão. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Divulgados no mês de setembro de 2008, apontam que no segundo semestre de 2008 o setor alcançou um crescimento de 5,5 em relação ao mesmo período do ano anterior, maior desempenho nessa comparação desde o segundo trimestre de 2004 (5,9%).

A economia brasileira está se tornando eminentemente de serviços. No país que já foi considerada agrícola e ainda patina na questão da industrialização, não deixa de ser surpreendente que 68% da riqueza, ou R$ 1,850 trilhão do PIB de 2009 sejam provenientes dessa atividade.

A cada ano o segmento vem ampliando sua participação na economia brasileira e tirando espaço da agropecuária e indústria. Um dos motivos é que o segmento engloba sete atividades no total, o

...

Baixar como (para membros premium)  txt (31.4 Kb)  
Continuar por mais 19 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com