TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Economia Mercado Concorrente

Por:   •  21/9/2013  •  1.024 Palavras (5 Páginas)  •  148 Visualizações

Página 1 de 5

Questões– Caracterize o mercado concorrencial. Que regra o empresário segue para

maximizar seus lucros?

Estruturas de mercado podem ser identificadas considerando primeiramente três

coisas:número de empresas que compõem esse mercado, diferenciação do produto e

existência de barreiras à entrada de novas empresas. O mercado concorrencial pode ser

caracterizado por ser composto por um grande número de empresas, que são como átomos

e, portanto, cada uma delas se torna relativamente pequena. Desse modo,nenhuma firma

isoladamente consegue afetar os níveis de oferta do mercado ou alterar o preço do produto e

praticar preço superior as outras, não afetando assim o preço desequilíbrio. Em um mercado

de competição perfeita, isso pode ser visto de forma bem clara. O consumidor não consegue

diferenciar os produtos ofertados pelas empresas concorrentes, há livre entrada de novas

empresas no mercado e todos os participantes desse mercado têm o mesmo acesso as

informações sobre lucros e preços. Com isso, para maximizar o lucro total as empresas se

utilizam da hipótese da teoria tradicional ou marginalista, na qual o empresário toma o preço

como um dado e produz até igualar o preço a seu custo marginal, ou seja, procura atingir um

nível de produção no qual a receita marginal se iguala ao custo marginal.

2 – Defina Lucro Normal e Lucro Extraordinário.

Lucros extras ou extraordinários existem quando as receitas superam os custos, é a diferença

entre a receita total e o custo total, considerando o lucro normal como um custo não

desembolsado efetivamente pela empresa. Já o lucro é o valor que mantem a empresa

na atividade, reflete o real custo de oportunidade do capital empregado na atividade

empresarial. A longo prazo, no mercado de concorrência perfeita, lucros extraordinários já não

existem, pois atraem novas firmas que não encontram barreiras em seu ingresso e acabam

aumentando a oferta de mercado. Assim os preços caem e com eles o lucro extra, restando

enfim somente os lucros normais.

3 – Caracterize um mercado em concorrência monopolística.

O mercado monopolista possui características opostas as da concorrência perfeita.Existe uma

única empresa produtora do bem ou serviço que se depara com toda a demanda de

mercado,dominando inteiramente a oferta. Logo, para essa empresa se manter no monopólio

existem barreiras à entrada de firmas concorrentes, que ocorrem basicamente de três formas:

monopólio puro ou natural (o mercado exige elevado volume de capital ou montante de

investimentos e as empresas já instaladas possuem grandes plantas industriais, conseguindo

cobrar preços baixos por seus produtos), proteção de patentes (direito único de produzir o

bem); controle sobre o fornecimento de matérias primas básicas. Uma categoria diferenciada

de monopólio é o estatal ou institucional, normalmente em setores estratégicos ou de infraestrutura. A existência de barreiras à entrada de novas firmas permitirá a persistência de

lucros extraordinários também a longo prazo. Como em uma concorrência perfeita, o ponto de

equilíbrio do monopolista, ou seja, no qual ele maximiza o lucro, também ocorre quando a

receita marginal e o custo marginal são iguais .Como

...

Baixar como (para membros premium)  txt (6.9 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »