TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Aeroporto de Bankok

Por:   •  3/11/2015  •  Trabalho acadêmico  •  1.721 Palavras (7 Páginas)  •  240 Visualizações

Página 1 de 7

                          Manutenção Corretiva



J. R. Tony (1999) a manutenção corretiva também conhecida como  manutenção de quebras que geralmente é realizada quando uma instalação, uma máquina ou um carro quebra, geralmente quando o caminhão ou veículo esta em operação, ou um carro esta em movimento, o que resulta em programações perturbadas, acarretando excesso de estoques acumulados e entregas atrasadas, por isso é chamada de manutenção corretiva que serve para correção de falhas e quebras, além disso, a falta de manutenção adequada resulta em desgaste da frota e em um desempenho ruim. Por exemplo, se não se faz uma manutenção adequada de um caminhão, poderá apresentar problemas, tendo um desempenho ruim na estrada, chegando até a quebrar e deixar o usuário na mão.

A quebra de um equipamento ou de um caminhão traz transtornos irreparáveis em termos de objetivos de entregas e transporte a manutenção corretiva deve ser realizada conforme as quebras acontecem durante o percurso  no setor de transporte ou de qualquer outra natureza a atenção com a manutenção corretiva deve ser redobrada exigindo pessoal altamente especializado, pois a política de manutenção corretiva tem seu custo associado. 
Na práticas, o programa de manutenção corretiva deve estar pronto para o atendimento de falhas e problemas ocorridos durante a operação de transporte, ter peças sobressalentes e capacidade em termos de equipamentos, tanto para reparos imediatos no menor espaço de tempo possível, quanto para colocar o caminhão  em funcionamento o mais rápido possível para não gerar atraso ou acumulo nas entregas, em quanto é feita a substituição das peças com problemas mecânicos ou quebrados. A manutenção corretiva é aquela que acorre durante o processo ou a operação, tanto de frota de veículos, como em instalações e equipamentos de uma organização.
A manutenção corretiva tem muita importância para o processo produtivo de uma empresa seja ela em que área atuar, pois todo ciclo produtivo possui problemas de imediato e inesperado com falhas e problemas em sua linha de produção e a manutenção corretiva exerce a função de diagnosticar estas falhas e problemas e solucionar no tempo mais curto possível para não atrapalhar o processo em si e dependendo do grau destas quebras ou falhas é necessário que esta manutenção seja prolongada, mas gera alto custo de tempo de produção parado.

Manutenção Preventiva

De acordo com J. R. Tony (1999) para que a frota continue a fazer um trabalho com a qualidade necessária, os seus caminhões deve ser mantido em excelentes condições de trabalho, e o melhor modo de realizar isso é com o programa de manutenção preventiva, que é um programa muito importante para a empresa, pois além de manter a qualidade, mantém baixos níveis de estoque de peças e baixo custo. A manutenção preventiva começa com inspeções diárias, lubrificação e limpeza que pode ser realizado pelo próprio motorista do veículo.
Conforme Martins (2006) na manutenção preventiva ou periódica os equipamentos, as maquinas e as instalações sofrem intervenções da manutenção, com reparos ou trocas de peças danificadas, em função do intervalo médio de tempo entre falhas e problemas ocorridos, levantando para cada equipamento, um componente ou uma peça de acordo com indicações do fabricante ou registros históricos da empresa, esse esquema é controlado por softwares articulados e automatizados com o planejamento empresa, pois os equipamentos ou maquinas devem ser postos a disposição da manutenção nas datas definidas no início do período do planejamento, a grande vantagem desse esquema é evitar paradas não programadas decorrente de falhas nos equipamentos, veículos ou máquinas, porém á duas desvantagens, causa conflito com a produção por causa de entregas e faturamento e leva à empresa a trocar de alguns componentes que ainda não atingiram o fim da vida útil.

Moura (1997) afirma que a melhor manutenção é aquela que previne acidentes e falhas, ela envolve exames e inspeções de rotinas para minimizar as falhas e acidentes durante o percurso. Em geral nenhum programa de manutenção preventiva pode operar satisfatoriamente sem algum equipamento extra, por isso é necessário possuir peças sobressalente, os veículos podem ser programados para inspeções e reparos sem intervenção na atividade da empresa, se a empresa possuir uma grande frota, como caminhões e veículos de autoestradas é normalmente mais econômico a própria empresa ter seus próprios almoxarifados e setor de manutenção preventiva e usar os métodos convencionais de prevenção de seus componentes, já uma empresa de pequeno porte, com poucas unidades de veículos é mais econômico contratar serviços de manutenção preventiva e assistência externa, para evitar que ocorra problemas e falhas na frota.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (11.7 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com