TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Resumo De "Encontro Com Milton Santos - O Mundo Global Visto Do Lado De cá"

Ensaios: Resumo De "Encontro Com Milton Santos - O Mundo Global Visto Do Lado De cá". Pesquise 790.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  18/3/2014  •  455 Palavras (2 Páginas)  •  25.699 Visualizações

Página 1 de 2

Resumo de “Encontro com Milton Santos – O mundo global visto do lado de cá”

No documentário “Encontro com Milton Santos – O mundo global visto do lado de cá” são discutidos os problemas da globalização, desde a primeira, que ocorreu entre 1500 e 1600, até seus efeitos mais recentes, no final do século XX.

Logo de primeira, percebemos que a primeira globalização foi marcada pelo extermínio de 70 milhões de nativos na América pré-colombiana. Ignorando culturas, religiões e línguas (mais de duas mil foram extintas) por conta da dominação de territórios ocupados.

Ao longo do filme podemos ver uma série de episódios ao redor do mundo que acontecem pela necessidade da sociedade capitalista de obter benefícios apenas para si e para isso desorganiza territórios, privatiza riquezas mundiais, se apropria de bens comuns, etc. Apropriações estas que são indevidas e acabam gerando grandes manifestações por deter bens nas mãos da minoria capitalista. Exemplo disso foi a tentativa de privatização da água potável em Cochabamba, em 2000, que gerou uma série de protestos na Bolívia.

A má distribuição de renda, principalmente no Brasil, é um dos fatores que se relaciona com a questão econômica e social. O principal determinante da pobreza nos países é o enorme grau de desigualdade nessa distribuição. De acordo com Josué de Castro, “a humanidade se divide em dois grupos: o grupo dos que não comem, e o grupo dos que não dormem com receio da revolta dos que não comem”. O problema da fome não é a baixa produção de alimentos, e sim a concentração destes nas mãos dos que já tem muito.

Com o crescimento populacional nas áreas urbanas, o governo da China incentivou a industrialização rural e a multiplicação das pequenas e médias empresas no campo, que são geralmente destinadas ao mercado externo, fazendo assim com que o homem viva buscando o equilíbrio entre a necessidade da produção mantenedora e o excesso dessas áreas destinadas à produção com finalidade não regionalizada.

Em relação à cultura, podemos dizer que a mídia e a tecnologia são meios que podem trazer diversos benéficos à população, como vimos no documentário as comunidades indígenas que utilizam a internet para mostrar ao mundo as injustiças e problemas ambientais de lugares de pouco acesso. Mas esses meios também podem prejudicar, já que o acesso a certos bens de consumo vem se tornando cada vez mais fácil, mesmo que, para essas pessoas de baixa condição, faltem alguns itens indispensáveis na casa de qualquer indivíduo por conta do esforço em estarem sempre “antenados” tecnologicamente.

Sendo assim, da mesma forma que a globalização possibilitou às populações mais afastadas e carentes o acesso ao conhecimento, ela contribuiu para o desaparecimento de culturas regionais e locais, dando espaço às culturas de massa.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.9 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com