TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

AUDITORIA: NORMAS E CONTROLE INTERNO

Ensaios: AUDITORIA: NORMAS E CONTROLE INTERNO. Pesquise 813.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  11/11/2014  •  3.960 Palavras (16 Páginas)  •  286 Visualizações

Página 1 de 16

1 INTRODUÇÃO

O presente trabalho tem por objetivo elaborar um roteiro para o esclarecimento de dúvidas pertinentes a área de auditoria, destacando-se a auditoria interna e suas demonstrações financeiras. O mesmo ainda demonstrará a formação da opinião e emissão do relatório do auditor independente sobre as demonstrações financeiras.

2 DESENVOLVIMENTO TEÓRICO

Auditoria de Demonstrações Financeiras de Grupos, incluindo o Trabalho dos Auditores dos Componentes. Utilização de Trabalho de Auditoria Interna. Utilização do Trabalho de Especialistas.

Conforme disposto, o Conselho Federal de Contabilidade, no exercício de suas atribuições legais e regimentais, regulamenta:

Art. 1º Aprovar a NBC TA 600 – “Considerações Especiais – Auditorias de Demonstrações Contábeis de Grupos, Incluindo o Trabalho dos Auditores dos Componentes”, elaborada de acordo com a sua equivalente internacional ISA 600.

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor nos exercícios iniciados em ou após 1º. de janeiro de 2010.

Art. 3º Observado o disposto no art. 3º da Resolução CFC nº 1.203-09, ficam revogadas a partir de 1º. de janeiro de 2010 as disposições em contrário nos termos do art. 4º da mesma resolução. Brasília, 27 de novembro de 2009.

¬¬

Alcance:

1. As normas de auditoria aplicam-se a auditorias de grupos. Esta Norma trata das considerações especiais aplicáveis às auditorias de grupos, em particular aquelas que envolvem auditores de componente.

2. Esta Norma, adaptada às circunstâncias, pode ser útil ao auditor independente quando ele envolver outros auditores na auditoria de demonstrações contábeis que não são demonstrações contábeis de grupos. Por exemplo, o auditor pode envolver outro auditor para observar a contagem de estoques ou fazer a inspeção física de ativos fixos em local remoto.

3. O auditor do componente pode ser exigido por lei, regulamento ou por outra razão, a expressar uma opinião de auditoria sobre as demonstrações contábeis de um componente. A equipe encarregada do trabalho do grupo pode decidir usar a evidência de auditoria que serviu para fundamentar a opinião de auditoria sobre as demonstrações contábeis do componente para fornecer a evidência para a auditoria do grupo, mas as exigências desta Norma, não obstante, são aplicáveis.

4. Controle de Qualidade da Auditoria de Demonstrações Contábeis exige-se que o sócio encarregado do trabalho do grupo esteja satisfeito de que os que executam o trabalho de auditoria do grupo, inclusive os auditores de componente, possuem coletivamente habilidade e competência apropriadas. O sócio encarregado do trabalho do grupo também é responsável pela direção, supervisão e desempenho do trabalho de auditoria de grupo.

5. O risco de auditoria é uma função do risco de distorção relevante das demonstrações contábeis e do risco de que o auditor não detecte tais distorções. Na auditoria de grupo, isso inclui o risco de que o auditor do componente possa não detectar uma distorção nas informações contábeis do componente que possa causar distorção relevante nas demonstrações contábeis do grupo, e o risco de que a equipe encarregada do trabalho do grupo não detecte esta distorção. Esta Norma explica os assuntos que a equipe encarregada do trabalho do grupo considera ao determinar a natureza, a época e a extensão de seu envolvimento nos procedimentos de avaliação de riscos e procedimentos adicionais de auditoria executados pelos auditores de componente nas informações contábeis dos componentes.

O propósito deste envolvimento é obter evidência de auditoria apropriada e suficiente para fundamentar a opinião de auditoria sobre as demonstrações contábeis do grupo.

Objetivo:

6. Os objetivos do auditor são:

(a) determinar se atua ou não como auditor das demonstrações contábeis do grupo e;

(b) se atuar como auditor das demonstrações contábeis do grupo:

(i) comunicar-se claramente com os auditores de componente a respeito do alcance e da época de seu trabalho sobre as informações contábeis relativas aos componentes e suas constatações;

(ii) obter evidência de auditoria apropriada e suficiente a respeito das informações contábeis dos componentes e do processo de consolidação para expressar uma opinião sobre se as demonstrações contábeis do grupo foram elaboradas, em todos os aspectos relevantes, em conformidade com a estrutura de relatório financeiro aplicável.

Definições:

7. Para os fins das normas de auditoria, os seguintes termos têm os significados a seguir atribuídos:

Componente é uma entidade ou atividade de negócios para a qual a administração do grupo ou dos componentes elabora informações contábeis que devem ser incluídas nas demonstrações contábeis do grupo;

Auditor do componente refere-se ao auditor que, por solicitação da equipe de auditoria encarregada do trabalho do grupo, executa trabalho sobre informações contábeis relacionadas a um componente para a auditoria do grupo;

Administração de componente é a administração responsável por elaborar as informações contábeis de um componente;

Materialidade do componente é a materialidade para o componente, determinada pela equipe encarregada do trabalho do grupo;

Grupo são todos os componentes cujas informações contábeis são incluídas nas demonstrações contábeis do grupo. Um grupo sempre tem mais de um componente;

Auditoria de grupo é a auditoria das demonstrações contábeis de um grupo;

Relatório de auditoria do grupo é a opinião de auditoria sobre as demonstrações contábeis do grupo;

Sócio encarregado do trabalho do grupo é o sócio ou outra pessoa na firma que é responsável pelo trabalho de auditoria de grupo, pela sua execução e pelo relatório de auditoria sobre as demonstrações contábeis emitido em nome da firma.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (29.4 Kb)  
Continuar por mais 15 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com