TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Contabilidade Gerencial

Por:   •  6/4/2013  •  1.757 Palavras (8 Páginas)  •  1.176 Visualizações

Página 1 de 8

1. Introdução

A história da contabilidade é tão antiga quanto à própria história da humanidade. Com o desenvolvimento das civilizações e a ascensão industrial a contabilidade, passou a ter maior importância, devido ao surgimento das grandes empresas comerciais e industriais. Com o passar do tempo, esta, foi se desenvolvendo e hoje possui várias especializações, tais como: Auditoria contábil, contabilidade de custos, perícia contábil, contabilidade rural, e outras. Dentre os diversos ramos de atuação da contabilidade um deles vem obtendo um grande destaque nas últimas décadas, a contabilidade gerencial, devido à sua importante atuação nas empresas, pois esta promove informações indispensáveis para o crescimento e desenvolvimento empresarial.

A contabilidade gerencial funciona como uma ferramenta que auxilia a administração da empresa no processo de redução de custos, aumento de lucratividade, planejamento estratégico. Também fornece informações úteis a investidores, órgãos governamentais, credores, dentre outros. O contador que exerce a função gerencial, deve ser altamente qualificado, para que apresente informações claras e objetivas, pois este será o responsável por importantes tomada de decisões dentro da empresa.

Este tema foi escolhido devido a sua relevante importância, no processo de tomada de decisões, e sua magnitude atual. O objetivo do artigo é analisar as características, bem como a aplicação e os benefícios da Contabilidade Gerencial nas empresas.

2. Origem do conhecimento contábil

Desde as civilizações primitivas, antes do saber escrever e calcular, o homem já possuía sua forma de inscrição, que era a artística. A idéia de “patrimônio” era algo comum, já que a qualidade e a quantidade das reservas de utilidades, quer caça, quer de colheitas, foram elementos que o homem notou como algo distinto conquistado com seu trabalho. À medida que a riqueza do homem primitivo começou a aumentar e com maior variedade, mais complexa foram ficando as inscrições, forçando o aprimoramento do critério de registro de seus bens. Assim nasceram os registros de escrituração contábil porque se quantificava e evidenciava a riqueza patrimonial do indivíduo e de sua família (SÁ, 1999; IUDÍCIBUS, MARION, 2002).

Conforme Sá (1999), o nascimento da contabilidade é o da inscrição de elementos da riqueza patrimonial, passando aos poucos a registros mais elaborados. Com a invenção da escrita, desenvolveu-se ainda mais o sistema de registros, mas segundo estudiosos sobre a questão, foi à escrita contábil que deu origem a escrita comum e não o inverso. O desenvolvimento contábil, como já pode ser visto, acompanha de perto o desenvolvimento econômico, e assim ao longo da história a contabilidade vem se evoluindo.

Na idade Média, segundo Iudícibus e Marion (2002), o marco do pensamento científico da Contabilidade foi à primeira literatura contábil relevante pelo Frei Luca Pacioli em 1494, consolidando o método das partidas dobradas, expressamente a causa efeito do fenômeno patrimonial com os termos débito e crédito, permanecendo inalterado até os dias de hoje. Atualmente com as duas grandes Revoluções Industriais e com a grande evolução tecnológica, a Contabilidade evoluiu de forma a proporcionar ao profissional diversas áreas de atuação, sendo uma delas a Contabilidade Gerencial.

3. Contabilidade Gerencial

A Contabilidade Gerencial pode ser considerada como um sistema de informação destinado a auxiliar seus usuários no processo de tomada de decisões. Desde a antiguidade com as transações ocorridas em organizações remotas, com Demanda de produtos de troca, já eram conhecidos controles gerenciais simples, que atendiam as necessidades das informações daquela época. Com a Revolução industrial, houve um desenvolvimento na prática da Contabilidade Gerencial, devido à necessidade das organizações buscarem um aperfeiçoamento em suas informações para obter uma melhor administração e um eficiente controle em seus negócios (FIGUEIREDO, CAGGIANO, 1997).

A Contabilidade Gerencial passou a ter uma atenção especial perante os profissionais contábeis quando da necessidade de tratar os custos de diferentes formas para tomada de diferentes decisões, pois as empresas buscam redução dos custos, com o aumento da lucratividade.

A Contabilidade Gerencial pode ser caracterizada, superficialmente, como um enfoque especial conferido a várias técnicas e procedimentos contábeis já conhecidos e tratados na contabilidade financeira, na contabilidade de custos, na analise financeira e de balanços etc., colocados numa perspectiva diferente, num

...

Baixar como (para membros premium)  txt (12.6 Kb)  
Continuar por mais 7 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com