TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Desafio De Aprendizagem Gestão Do Conhecimento

Por:   •  19/4/2013  •  1.150 Palavras (5 Páginas)  •  470 Visualizações

Página 1 de 5

INTRODUÇÃO

A Gestão de Conhecimento, de acordo com Mara Perillo (2012, web) “refere-se à criação, identificação, integração, recuperação, compartilhamento e utilização do conhecimento dentro da empresa.”

A partir do surgimento de grandes mudanças organizacionais, as empresas passam a se preocupar, fazendo com que tome certas decisões para se adaptar ao novo cenário, buscando a otimização de recursos. Atualmente, o conhecimento não é guardado para poucas pessoas, com a Gestão do Conhecimento toda informação deve ser transformada em conhecimento e distribuída aos interessados.

Nas empresas, a gestão do conhecimento pode ser de grande valia, pois contribui para a geração de valor, otimização das operações e para a melhora ao atendimento da clientela final: a importância do treinamento, a educação; todos participantes ativos ou receptivos serão beneficiados pela estratégia; a premiação, como forma de reconhecimento; e a comunicação clara, atingindo todos os níveis afetados, são exemplos que podem ser aplicados nas empresas.

DESENVOLVIMENTO

Contudo, o grande desafio é aplicar a Gestão do Conhecimento dentro das empresas, pois o novo conhecimento sempre se inicia com o individuo. Na visão de André Luiz Gonçalves “A articulação (conversão do conhecimento tácito em explicito) e a internalização (utilização desse conhecimento explicito para estender o próprio conhecimento tácito) são os passos críticos nessa espiral de conhecimento.” Se faz necessário o envolvimento pessoal de cada indivíduo da empresa.

Nesse ínterim, a criação do conhecimento inicia com a socialização e passa através de quatro modos de conversação do conhecimento, os quais podem ser descritos da seguinte forma: Socialização (compartilhamento e criação de conhecimento tácito através de experiência direta); Externalização (Articulação do conhecimento tácito do diálogo e da reflexão); Combinação (Sistematização e aplicação do conhecimento explícito e a informação) e Internalização (Aprender a adquirir novo conhecimento tácito na prática).

Podemos imaginar uma espiral. É exatamente isto que agora irá acontecer com o conhecimento. Ao se chegar nesta etapa, os processos novamente se iniciam, ou seja, o conhecimento explícito, que anteriormente fora ´internalizado´, vai agora ser ´socializado´ novamente, disponibilizando-o aos funcionários, fazendo com que o conhecimento seja efetivado enfim, exatamente como uma espiral. Afinal a criação do conhecimento é um processo dinâmico e contínuo.

Podemos imaginar a espiral do conhecimento na seguinte sequência: através da socialização, o conhecimento tácito é trocado e posteriormente convertido em explícito, através da externalização. Iniciando o processo de combinação, este novo conhecimento recém adquirido é combinado ao já existente gerando novos conhecimentos para a organização. Finalmente este novo conhecimento será internalizado e transformado em manuais, documentos, normas, etc. fazendo com que todo o processo se reinicie, através da socialização começando tudo de novo.

A dificuldade em trabalhar com idéias e pensamentos distintos é uma grande barreira para o trabalho em conjunto, porém o mercado de trabalho hoje está mudando, e o individualismo está cada vez mais extinto, para se manter competitivas as pessoas terão que aprender a lidar e trabalhar com os outros.

Uma equipe é um grupo de pessoas trabalhando juntas para atingir uma meta em que todos acreditam, a qual seria difícil, ou impossível, de ser atingidas por pessoas trabalhando sozinhas.

Para lidar com as diversas mudanças e pressões competitivas do mercado de trabalho, muitas empresas, organizações ou instituições reestruturaram a maneira de realizar suas tarefas, optaram por formar equipes de empregados que realizam e tomam decisões sobre o que fazer e como fazer. Essas mudanças interferem diretamente nas metas da empresa; principalmente quando os funcionários desenvolvem o trabalho em um grupo cooperativo e somam as suas aptidões, agregando melhor as funções desenvolvidas por cada um.

É necessário que os líderes das empresas utilizem métodos para uma boa adaptação com relação aos companheiros de trabalho, pois trabalhar em uma equipe realmente sincronizada pode ter um impacto positivo na produtividade da empresa, pessoal e individual dos funcionários aumentando a visão e perspectiva do trabalho de todos envolvidos.

O Cirque Du Soleil é um a caso de sucesso no mundo empresarial pois o artístico e o comercial foram sincronizados, ressalvado pela capacidade empreendedora do grupo. A abertura do sucesso foi

...

Baixar como (para membros premium)  txt (8.6 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com