TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Fusão Casas Bahia E Ponto Frio

Pesquisas Acadêmicas: Fusão Casas Bahia E Ponto Frio. Pesquise 790.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  1/6/2013  •  4.963 Palavras (20 Páginas)  •  446 Visualizações

Página 1 de 20

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4

2.1 HISTÓRIA DA FAMÍLIA KLEIN, DAS CASAS BAHIA, ESTILO DE GESTÃO DA EMPRESA E AS CARACTERÍSTICAS DE QUAL ABORDAGEM TEÓRICA DA ADMINISTRAÇÃO, FUSÃO DAS EMPRESAS E IMPACTOS AO MODELO ANTERIOR 4

2.2 QUAL É O TIPO DE ESTRUTURA DE MERCADO ESTAS DUAS EMPRESAS ATUAM OU ESTA INSERIDA JUSTIFICANDO OS MOTIVOS QUE INSEREM NA REFERIDA ESTRUTURA; VERIFICAR O PORTE OU O TAMANHO DOS CONCORRENTES ; VERIFIQUE COMO É A CONCORRÊNCIA ENTRE AS EMPRESAS (PREÇOS, PROPAGANDA, FORMA DE PAGAMNETO E DETALHES SOBRE OS OBSTÁCULOS PARA QUE NOVAS EMPRESAS ENTRAREM NESSE MERCADO....................................................................................................................7

2.3 IDENTIFCAR INFORMAÇÕES QUE DIZEM RESPEITO À CARACTERIZAÇÃO DA CULTURA DAS EMPRESAS. APÓS A PESQUISA INDETIFIQUE O QUE ELAS POSSUEM DE COMUM E O UQE TEM DE DIFERENTE COM RELAÇÃO À CULTURA.....................................................................................................................9

2.4 CONSIDERANDO OS CONCEITOS DE NÚMEROS ÍNDICES ( ÍNDICE RELATIVO DE PREÇOS ), CALCULE O LUCRO LÍQUIDO ANUAL DA VIAVAREJO NO PERÓDO BÁSICO OU REFERÊNCIA ( PERÍODO ANTERIOR A ESSA FUSÃO )......................14

3 CONCLUSÃO..........................................................................................................9

REFERÊNCIAS...............................................................................................................10

1 INTRODUÇÃO

Neste trabalho serão apresentadas informações a respeito de uma fusão entre ponto frio e casas Bahia, expondo seu histórico, suas dificuldades, missão, visão, valores e tem por sua vez analisar as estratégias que a empresa emprega, e que possa utilizar para aumentar a sua competitividade frente aos seus concorrentes no mercado ao qual está inserido, destacando pela sua liderança de custos acessíveis a todos.

É uma empresa bem conceituada no ramo em que atua, onde tem a responsabilidade e transparência com os seus clientes e fornecedores, assim visando uma melhor concorrência.

2 DESENVOLVIMENTO

2.1 HISTÓRIA DA FAMÍLIA KLEIN, DAS CASAS BAHIA, ESTILO DE GESTÃO DA EMPRESA E AS CARACTERÍSTICAS DE QUAL ABORDAGEM TEÓRICA DA ADMINISTRAÇÃO, FUSÃO DAS EMPRESAS E IMPACTOS AO MODELO ANTERIOR.

A história das casas Bahia começa quando o polonês Samuel Klein decidiu deixar a Europa, depois de vivenciar a Segunda Guerra Mundial. O mascate que construiu um grande império no varejo

Polonês naturalizado brasileiro, Samuel Klein completou 89 anos em 2012. Quem esbarra com ele dificilmente vai associá-lo ao empresário que em seis décadas ergueu um dos maiores e mais sólidos empreendimentos do varejo brasileiro. Simples, de camisas pólo e chinelos franciscanos, boa conversa e um vibrante sotaque judaico, Samuel Klein pode ser facilmente confundido com o público – os fregueses, como ele costuma se referir aos milhões de clientes que frequentam suas lojas.

Vendedor nato, Samuel Klein adora contar histórias do mundo dos negócios. Nem de longe deixa transparecer os horrores vividos durante a Segunda Guerra Mundial, quando abandonou uma Europa ameaçada por regimes autoritaristas e fincou raízes em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo. Sobre esse tempo, Klein parece ter uma memória seletiva. O passado deixou suas marcas, mas não dirige o futuro. “Eu vivo e deixo os outros viverem”, costuma dizer.

Samuel Klein nasceu em Lublin, na Polônia, o terceiro de nove irmãos, filho de carpinteiro de família judaica. Aos 19 anos foi preso pelos nazistas e mandado com o pai para o campo de concentração de Maidanek, na Polônia. Sua mãe e cinco irmãos mais novos foram para o campo de extermínio de Treblinka, e Samuel nunca mais os viu. Ao lembra-se desses tempos, Samuel afirma que sua sorte foi ser jovem e forte, pois isso fez com que os nazistas o mandassem para um campo de trabalhos forçados, onde sobreviveu com suas habilidades de carpinteiro, ofício que havia aprendido com o pai. Sua sorte começou a mudar em 1944. Aproveitando-se de uma distração dos guardas, Samuel sumiu no mato a caminho da Alemanha, conseguiu fugir, permanecendo na Polônia até acabar a guerra. Em seguida foi para Munique, na Alemanha, em busca do pai.

Na Alemanha, Samuel fez de tudo para ganhar a vida vendendo produtos para as tropas aliadas. Em cinco anos juntou algum dinheiro e casou-se com uma jovem alemã, de nome Ana.

Primeiramente ele foi para a Bolívia em 1951 e no ano seguinte desembarcou com sua família no Brasil, em São Caetano do Sul, quando começou um pequeno negócio. Cinco anos depois do seu primeiro negócio montado, em 1957, Samuel comprou sua primeira loja, na Avenida Conde Francisco Matarazzo, número 567, no centro de São Caetano do Sul, a qual levou o nome de “Casa Bahia” em homenagem aos imigrantes nordestinos que haviam se mudado para a região em busca de trabalho na indústria automobilística. Em 1960 ocorreu a inauguração da segunda loja também em São Caetano, agora passando a se chamar “Casas Bahia”. Em 1964 as lojas iniciaram a venda de eletrodomésticos e as lojas seguintes foram inauguradas na região do ABC, nas cidades de Santo André e Mauá. Em 1970, já com sete lojas, adquiriu o controle acionário da financeira Intervest. Na mesma época houve também a aquisição da rede de lojas Piratininga (no ABC paulista) e a criação do mascote ”Baianinho” e o slogan “Dedicação Total a Você”. Em 1971, houve a Inauguração da primeira loja em São Paulo, no bairro de Pinheiros e em 1972 a expansão das Casas Bahia para o litoral, adquirindo lojas da cidade e, em São Paulo sua expansão se deu nos bairros de Santo Amaro e Centro. Em 1978 a Casas Bahia faz aquisição das fábricas de móveis Bartira e da Fábrica de Móveis Bela Vista, sendo que a Bartira hoje é a maior fábrica do Brasil e da América Latina e uma das maiores do mundo em seu segmento. Em 1986 o jogador de futebol Pelé torna-se garoto propaganda de rede. Em 1989 rede casas Bahia alcança o número de 100 filiais em 1993 começa-se a expansão para Minas Gerias. Em 1995 a Casas Bahia Chega ao Rio de Janeiro, isso se deu pela compra da rede Garson, período também que se inicia a expansão para os Estados de Mato Grosso do Sul, Paraná e Santa Catarina. Em 1996 se inaugura o maior Centro de Distribuição da rede Casas Bahia e da América Latina,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (30.5 Kb)  
Continuar por mais 19 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com