TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Higiene E Segurança No Trabalho

Por:   •  12/6/2013  •  2.009 Palavras (9 Páginas)  •  744 Visualizações

Página 1 de 9

1. INTRODUÇÃO

Este trabalho visa compreender aspectos relacionados a segurança e a saúde do trabalhador em seu ambiente de trabalho, têm por obejetivo previnir acidentes e doenças que muitas vezes são desencadeadas nestes locais, com intúito de promover a saúde e qualidade de vida enquanto exercem sua profissão.

Os acidentes de trabalho tem se tornado muito comum nas empresas, tanto nas pequenas como nas grandes empresas. Isso se deve muito a falta de consciência dos administradores e a falta de conhecimento dos colaboradores.

O trabalho às vezes repetitivo, cansativo, entre outros é o grande fator para que o número de acidentes de trabalho venha crescendo cada vez mais, por isso algumas empresas estão buscando maneiras para reduzir esse problema, contratando profissionais da área e conscientizando seus colaboradores sobre o uso de EPI’s.

A tarefa de controlar os riscos no trabalho assemelha-se a qualquer outra tarefa, que passa por identificar os problemas em questão, conhecê-los a fundo, decidir sobre as ações e tomar e aplicar as soluções encontradas.

2. DESENVOLVIMENTO

2.1. Higiene e Segurança no trabalho

A higiene do trabalho compreende normas e procedimento adequados para proteger a integridade física e mental do trabalhador, preservando-o dos riscos de saúde inerente as tarefas do cargo e ao ambiente físico onde são executadas.

Ela está ligada ao diagnóstico e a prevenção das doenças ocupacionais, a partir do estudo e do controle do homem e seu ambiente de trabalho. Tem caráter preventivo por promover a saúde e o conforto do funcionário, evitando que ele adoeça e se ausente do trabalho, envolvendo também estudo e controle das condições de trabalho.

A iluminação, a temperatura e o ruído fazem parte das condições ambientais de um trabalho. Uma má iluminação, por exemplo, causa fadiga à visão, afeta o sistema nervoso, contribui para a má qualidade do trabalho podendo, inclusive, prejudicar o desempenho dos funcionários.

A falta de uma boa iluminação também pode ser considerada responsável por uma razoável parcela dos acidentes que ocorre nas organizações. Envolvem riscos os trabalhos noturnos ou turnos, temperaturas extremas que geram desde fadiga crônica até incapacidade laboral.

Um ambiente de trabalho que contem temperatura e umidade é considerado doentio. Por isso, o funcionário deve usar roupas adequadas para se proteger do que se “enfrenta” no dia-a-dia corporativo, ocorrendo o mesmo com umidade.

Já o ruído provoca perca da audição e quanto maior o tempo de exposição à ele maior o grau da perda da capacidade auditiva.

A segurança do trabalho implica no uso de equipamentos adequados para evitar lesões ou possíveis perdas, por isso é preciso conscientizar os funcionários da importância do uso dos EPIs (equipamentos de proteção individual) como luvas, mascaras e roupas adequadas para o ambiente em que eles atuam,fazendo essa ação especifica, a organização está mostrando reconhecimento ao trabalho do funcionário e contribuindo para sua melhoria da qualidade de vida.

Já houve muitos colaboradores dizerem que os EPIs, incomodam algumas vezes, chegaram a pedir aos gestores que usassem os equipamentos para ver se era bom.

Na segurança do trabalho também é importante que a empresa forneça máquinas adequadas em perfeito estado de uso, e de preferência com sistema de trava de segurança. É fundamental que as empresas treinem os funcionários e os alertem em relação aos riscos que máquinas podem significar no dia-a-dia. Caso algum colaborador apresente algum problema de saúde mais tarde ou sofra algum acidente, a responsabilidade será toda da empresa por não ter obrigado o funcionário a seguir os procedimentos adequados de segurança, se por algum motivo o colaborador se recusar a usar o EPIs, o mesmo poderá ser demitido por justa causa.

A prevenção dessas lesões acidentes pode ser feitas através de:

• Estudos e modificações ergonômicas dos postos de trabalho;

• Uso de ferramentas e equipamentos adaptados ao trabalhador;

• Diminuição do ritmo do trabalho;

• Estabelecimentos de pausas para o descanso;

• Redução da jornada de trabalho;

• Diversificação de tarefas;

• Reconhecimento

...

Baixar como (para membros premium)  txt (14.5 Kb)  
Continuar por mais 8 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com