TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Medidas Volumetricas

Ensaios: Medidas Volumetricas. Pesquise 790.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  29/3/2013  •  804 Palavras (4 Páginas)  •  1.358 Visualizações

Página 1 de 4

Título:Medidas volumétricas.

Objetivo:Aprender aferir volumes manipulando corretamente as vidrarias disponíveis levando em consideração os conceitos de paralaxe para que erros sejam evitados.

Introdução:

No trabalho de laboratório a medida de volume de líquidos é feita em aparelhos de maior ou menos precisão .As medidas volumétricas de precisão,são realizadas utilizando aparelhos volumétricos precisos,como pipetas volumétricas e graduadas e buretas.A maioria deve estar adequadamente limpas para evitar que parte do líquido fique aderido nas paredes e não devem ser secas em estufa,á temperatura elevada para que não fiquem descalibradas.

A prática da análise volumétrica requer a medida de volumes líquidos com elevada precisão .Para efetuara tais medidas são usados vários aparelhos,que são classificados em:aparelhos calibrados para dar escoamento a determinados volumes.

Exemplo:

• Pipetas volumétricas ou de transferência que são tubos de vidro com um bulbo na parte central com um traço ou aferição na parte superior.

• As pipetas graduadas são tubos de vidro com graduação de acordo com o volume que pode medir.Geralmente são de menor precisão que as pipetas volumétricas.

• A bureta é o equipamento necessário para a volumetria .As buretas servem para medir volumes variáveis de líquidos e são de vidro,calibradas e graduadas.Possuem uma torneira para permitir o controle do escoamento e,é o mais preciso.

As análises volumétricas que utilizam os aparelhos proveta ,pipeta,bureta,entre outros necessitam de atenção especial na hora de definir o menisco.

O menisco é a superfície do líquido que assume uma forma curva .A medida correta é efetuada pela parte debaixo do menisco.

Na foto acima com os olhos no nível do menisco se faz a leitura correta de 18 ml.

Forma -se essa curva no líquido devido as moléculas do líquido serem atraídas pelas moléculas do tubo de vidro,as forças intermoleculares atuante neste caso são maiores que entre as moléculas do próprio líquido.O menisco é formado pela atração do líquido pelo vidro,uma forma de querer grudar, senão fosse por isso teríamos uma linha horizontal reta desmarcando o volume do líquido.

Sempre que uma medida é efetuada ,leva-se em consideração o erro a ela inerente.O erro de medida pode se originar do aparelho utilizado,o objeto,o operador etc.Em uma medida exata os valores encontrados estão muito próximos do valor verdadeiro.Medidas podem ser precisas sem serem exatas,devido á algum erro sistemático.O ideal é que as medidas sejam precisas e exatas.

As medidas de volume de líquidos usando qualquer um dos aparelhos acima mencionado pode ter erros devido a:

• Ação da tensão superficial sobre a superfície dos líquidos.

• Dilatação e contração provocadas pela variação de temperatura.

• Calibração imperfeita do aparelho.

E ainda tem se os erros de paralaxe que são os mais comuns,que na verdade, é erro de leitura do volume do líquido.E para se evitar tal erro o correto é fazer a leitura do líquido a altura dos olhos sempre pela parte inferior do líquido.

Materiais e reagentes utilizados:

Béquer de 250 ml com escala.

Proveta de 100 ml com escala.

Pipeta volumétrica de 25 ml.

Pipetas graduadas 25 ml.

Pipetador.

Àgua destilada.

Procedimento:

• No

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.5 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com