TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Motivação no ambiente organizacional

Por:   •  11/4/2013  •  Ensaio  •  721 Palavras (3 Páginas)  •  365 Visualizações

Página 1 de 3

Motivação no ambiente organizacional

Atualmente se discute bastante sobre o tema “Motivação”. E não é por menos, pois está cada vez mais comprovado que as empresas vêm apresentando carências nessa questão. Isso se deve a esse mundo conturbado, consequência de um capitalismo cada vez mais “selvagem”. A cada dia que passa, a economia global vai se tornando ainda mais competitiva. Essa concorrência está deixando as pessoas ainda mais assustadas, pois o mercado de trabalho vem oferecendo menos ofertas. A situação se complica quando o candidato não apresenta uma qualificação compatível a uma função almejada.

Para tentar entender um pouco sobre o assunto, é importante saber o conceito dessa palavra que tanto se fala, mas poucos a valorizam. Não há apenas um único nome que defina motivação. Sua definição é muito complexa. A própria denominação sugere ser um motivo para uma ação. Esse motivo está relacionado ao aspecto psicológico de cada um. Alguns autores as definem como causa de um comportamento ou conjunto de forças internas que orientam a conduta de um indivíduo para determinado objetivo ou processo psicológico que leva uma pessoa a fazer esforços para obter certo resultado.

No início da década de 1990, a economia iniciou uma tendência à globalização, ou seja, abertura para o mercado externo. Essa tendência se confirmou por volta de 1994 com a estabilização da moeda, migrando para o Real. A partir desse momento, onde o Dólar ficou de igual valor com a moeda brasileira, muitas empresas multinacionais se instalaram no país, atraídas pela estabilidade econômica. Com isso, o mercado ganhou também mão-de-obra qualificada. Começou então uma maior preocupação dos nossos profissionais a se qualificarem para enfrentar a concorrência estrangeira.

Estávamos na era da globalização, onde a qualidade era o requisito mínimo para entrar em um mercado altamente competitivo. Aumentou a carência de profissionais capacitados, os famosos enxugamentos ocorreram assustadoramente. Estávamos vivendo uma realidade da qual havia ofertas de emprego, mas faltavam profissionais habilitados para as vagas. As empresas estavam preocupadas em oferecer diferenciais competitivos para conquistar mercados.

Capital Humano, o maior ativo das empresas - Pode-se dizer que a globalização foi traumática para muitas pessoas em seu início, mas a recompensa em longo prazo apareceu. Hoje podemos contar com profissionais cada vez mais qualificados ao mutante mercado de trabalho. As organizações perceberam isso e estão atribuindo um maior valor aos seus profissionais, no entanto, as cobranças aumentaram, sendo essas por resultados quase sempre a curtíssimos prazos. A famosa frase “É para ontem” começou a ganhar maiores conotações. Isso aumentou o número de estresse entre as pessoas, devido às preocupações constantes. Apesar de atribuir um maior valor aos seus profissionais, as corporações começaram a exigir muito

...

Baixar como (para membros premium)  txt (4.9 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com