TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

PROJETO DE TURISMO NO ESPAÇO RURAL DO RIO GRANDE DO SUL

Por:   •  18/12/2013  •  1.383 Palavras (6 Páginas)  •  410 Visualizações

Página 1 de 6

CAMPUS – JAGUARÃO

TURISMO E INOVAÇÃO NO ESPAÇO RURAL

RESENHA

TURISMO E FOLCLORE

A origem da festa junina

Professora Mestranda: Julia Rose Jasper

ACADÊMICO: Jayme Langlois Pirez Lameiro

JAGUARÃO

2013

TURISMO E FOLCLORE

O fenômeno folclórico é divulgado pelo homem no contato diário que mantém com seus semelhantes na prática da vida social, segundo (Della) seu habitat preferencial é constituído pelos agrupamentos humanos vivendo mais em função da cultura espontânea.

Elemento dinâmico da cultura modifica-se e se transforma de região para região, de acordo com os meios e sua funcionalidade.

De aceitação coletiva, não perde o seu caráter, seu valor, sua funcionalidade.

E, por caracterizar-se pela espontaneidade e poder de motivação sobre os componentes da respectiva comunidade, pode resultar tanto da invenção como da difusão, sempre subordinado aos processos da dinâmica cultural.

Os fenômenos folclóricos se classificam: na Arte; no Artesanato; na Linguagem; na Antonomásia; na Leitura; na Dança; no Folguedo Folclórico ou Auto Popular; no Jogo; os Tipos Populares; na Culinária; na Vestimenta; e nas Festas Religioso-Populares.

No Brasil, durante o mês de junho, as festividades dos três santos: Santo Antonio, São João e São Pedro, são muito comemorados por séculos, com danças, fogueiras, pratos típicos, vestimenta caipira, bebidas quentes e quermesses.

O fenômeno folclórico segundo (Della, 2001) pode estar na sua casa ou na minha, nas escolas, nas ruas ou nos escritórios, sempre junto da gente, dentro da gente. Muitas vezes não o compreendemos bem ou nos envergonhamos dele e, por isso, preferimos ignorá-lo.

Mas por esta razão, que na pesquisa da resenha segue um exemplo que como pudemos usufruir comentar e estudar suas origens.

A ORIGEM DA FESTA JUNINA

Com temáticas rurais e vestimentas típicas, são festividades comuns no Brasil, entre junho e julho, difundem valores politeístas. A palavra “junina” remete à deusa pagã Juno, que a igreja Católica adaptou para “joanina”, relativa a João.

As populares festas juninas envolvem diferentes formas de celebração, de acordo com o país onde é realizada. No Brasil, são voltados para os personagens bíblicos Pedro e João Batista, tidos como santos, assim como “canonizado” frade português Antonio de Lisboa, que viveu as

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.2 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com