TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Resenha Critica Filme 400 Contra Um

Por:   •  27/10/2013  •  425 Palavras (2 Páginas)  •  937 Visualizações

Página 1 de 2

Filme com nacionalidade brasileira dirigido por Caco Sousa lançado em 2010 vendeu aproximadamente 86, 656 ingressos.

400 contra um tinha a complicada missão de contar, em menos de duas horas, o surgimento do Comando Vermelho, dentro de um filme que misturasse gêneros, especialmente o de ação/policial e o romance. Anos 70 presídio da Ilha Grande, no Rio de Janeiro. Um grupo de presos resolve se unir para lutar por direitos e ideais coletivos. William (Daniel de Oliveira), um dos grandes articuladores daquilo que viria a se tornar o Comando Vermelho, vai parar no presídio de Ilha Grande, onde presos ‘comuns’ eram colocados lado a lado com presos políticos. A nova organização cria uma conduta de solidariedade entre os presos, algo inédito até então. No início dos anos 80 o Comando Vermelho passa a agir nas ruas do Rio de Janeiro, realizando ousados assaltos.

Neste universo de fugas consecutivas, assaltos e enfrentamento com os policiais locais, as amizades se destacavam e geravam dívidas que faziam com que foragidos retornassem à ilha para libertar seus companheiros. O filme, inclusive, foi baseado no livro de memórias escrito por William.

Um filme que ao contar a história do crime organizado no Brasil trabalha com um tema recente diante da atuação de novas organizações que surgiram com os mesmos preceitos criados naquele momento da história nacional (ditadura militar). A conscientização e o conhecimento sobre planejamento, disciplina e organização, a partir do ensinamento da atuação dos presos políticos, influenciaram e continuam influenciando a forma de atuação e reivindicação do crime organizado hoje. O filme tem sido criticado por glamourizar o crime organizado. No entanto, o cinema norte-americano faz isso desde os anos 1930 e não deixa de ser respeitado, embora a regra seja mostrar que os bandidos têm sempre um final trágico.

Dessa forma 400 contra um é um filme interessante de se ver apesar de que o diretor poderia ter aproveitado melhor a história do comando vermelho, mas, mesmo com uma produção um pouco pobre não deixou de passar uma mensagem para quem o assistiu, a de que não existem facção e crime perfeito e que nenhum deles compensa.

3 Conclusão

400 contra um passa uma mensagem magnífica apesar de ser baseado numa historia tão triste, historia de crimes e mortes, mas podemos ingerir varias coisas boas deste filme como; o poder da amizade e o triste final da vida de quem escolhe viver no mundo do crime, e ainda mais, mostra como o nosso país sofreu nas mãos dos militares durante a ditadura militar.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.6 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com